quarta, 01 de dezembro de 2021
preço

Preço de venda de imóvel comercial fica estável em maio e aluguel sobe, mostra FipeZap

25 junho 2019 - 00h03Por Angelo Pavini
O preço médio de venda de imóveis comerciais encerrou maio próximo da estabilidade, com ligeira queda de 0,06%, enquanto o preço médio de locação do segmento apresentou alta nominal de 0,33% no mesmo período. No mesmo período, a inflação oficial medida pelo IPCA do IBGE foi de 0,13% no último mês, enquanto o IGP-M da Fundação Getulio Vargas (FGV) registrou alta mensal de 0,45%. Entre as cidades monitoradas pelo Índice FipeZap Comercial, Belo Horizonte se destacou com a maior elevação no preço de venda de imóveis comerciais (+0,55%), enquanto Campinas apresentou a maior variação na locação e salas e conjuntos do segmento (+1,23%). Na análise dos últimos 12 meses, o preço médio de venda de imóveis comerciais acumula queda nominal de 3,16%, enquanto o preço médio de locação comercial ainda recua 0,60% no período. Para fins de comparação, a inflação acumulada nos últimos 12 meses é de 4,66%, segundo o IPCA (IBGE), e de 7,64%, de acordo com o IGP-M (FGV). Entre as cidades consideradas pelo Índice FipeZap, Campinas foi a única a apresentar alta nominal no preço médio de venda nos últimos 12 meses (+1,21%), enquanto, no caso de imóveis comerciais destinados à locação, os preços tiveram alta nominal em cinco cidades monitoradas: Salvador (+8,25%), Curitiba (+4,51%), Florianópolis (+2,97%), Porto Alegre (+1,14%) e Brasília (+0,17%). São Paulo apresentou alta no preço dos imóveis comerciais de 0,39% em maio, ante ganho de 0,19% em abril. No acumulado deste ano, os preços dos imóveis subiram 0,59% em São Paulo. No ano, porém, ainda caem 1,86%. Já os preços de locação em São Paulo apresentaram alta de 0,48% em maio, depois de subirem 0,27% em abril. No ano, a alta dos aluguéis comerciais é de 0,92%. No ano, eles ainda caem, 0,73%. O preço médio de locação comercial: em maio por m2 de imóveis comerciais nas cidades monitoradas pelo Índice FipeZap foi de R$ 8.891/m2, no caso de salas e conjuntos colocados à venda, e de R$ 37,68/m2, no caso de imóveis destinados para aluguel. Entre as cidades monitoradas, Rio de Janeiro se manteve como aquela com o preço de venda de imóveis comerciais mais elevado em maio (R$ 10.209/m2), enquanto São Paulo se destacou pelo maior valor médio para locação do segmento comercial no mesmo período (R$ 44,68/m2).

Seu dinheiro pode render muito mais com a Órama! Invista já, de forma segura e grátis!

A rentabilidade do aluguel comercial, calculada pela divisão do preço médio de locação pelo preço médio de venda dos imóveis comerciais, mostra um retorno para o investidor que opta por um imóvel com a finalidade de obter renda com aluguel. O indicador pode ser utilizado para avaliar a atratividade de salas e conjuntos comerciais em relação a outras opções de investimento disponíveis (incluindo investimento em imóveis residenciais). Praticamente estável no ano, o retorno médio do aluguel comercial (anualizado) foi estimado em 5,27% em maio, superando a rentabilidade do aluguel residencial para o mesmo período (4,59%), bem como o retorno médio real de aplicações financeiras de referência. O post Preço de venda de imóvel comercial fica estável em maio e aluguel sobe, mostra FipeZap apareceu primeiro em Arena do Pavini.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content