segunda, 24 de janeiro de 2022
Oferta pública inicial

Nubank busca avaliação de mais de US$ 50 bilhões em IPO nos EUA e quer clientes como sócios

Estreia simultânea da companhia na NYSE e dos BDRs na B3 ficou marcada para o dia 9 de dezembro

01 novembro 2021 - 14h56Por Redação SpaceMoney
 - Crédito: Divulgação

Nesta segunda-feira (1), o Nubank anunciou o protocolo público de seu pedido oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) junto à Securities and Exchange Comission (SEC, o órgão regulador do mercado de capitais dos Estados Unidos).

O banco digital também protocolou na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o prospecto preliminar para a oferta de seus recibos de ações (BDRs).

O Nubank busca ser avaliado em até US$ 50,6 bilhões. A fintech planeja levantar até US$ 16,8 bilhões se a oferta for precificada no teto da faixa indicativa (US$ 11), cujo piso é de US$ 10 e de acordo com cálculos que consideram uma taxa de câmbio de R$ 5,612, mediante a emissão de 289.000.000 de ações. Para as BDRs, a faixa estimada vai de R$ 9,35 a R$ 10,29.

O Nubank informou que pretende direcionar os recursos ao capital de giro, às despesas operacionais, às despesas de capital e investimentos e a potenciais aquisições. Para cada um desses objetivos seria destinado 25% do total obtido.

As ações negociadas serão as ações classe A, que dão ao titular o direito a um voto nas assembleias. Já as ações classe B, que dão direito a vinte votos, não farão parte da oferta. 

Na B3 (B3SA3), serão ofertadas as BDRs que representarão uma fração de cada ação de classe A vendida na NYSE

Os BDRs darão a seus detentores os mesmos direitos atribuídos às ações de classe A, mas os direitos a voto serão exercidos pela instituição depositária.

NuSócios

No prospecto, a fintech anunciou a criação de um programa que vai realizar a distribuição BDRs para os clientes do banco. 

Serão destinados entre R$ 180 milhões e R$ 225 milhões para a compra de BDRs. Os investidores que desejarem participar devem se inscrever até o dia 9 de novembro e comprovar atividade como clientes nos últimos trinta dias. 

Cronograma

O Nubank começa a fazer as apresentações para potenciais investidores brasileiros na próxima segunda-feira (8), e para estrangeiros, no dia 30 de novembro.

Nesta mesma data, começará a formação do livro da oferta (bookbuilding), e o período de reserva vai até o dia 7 de dezembro. A fixação dos preços por ação será no dia 8 de dezembro, e no dia seguinte, o Nubank estreia nos mercados.

As ações do Nubank na NYSE terão o código NU, enquanto os BDRs serão negociados na B3 por meio do código NUBR33 e estrearão simultaneamente.

Coordenam a oferta na NYSE Morgan Stanley, Goldman Sachs, Citi, HSBC, UBS BB e Safra. Na B3, a Nu Invest coordena a oferta brasileira de BDRs.

Com informações de Broadcast e Reuters.

Tags: B3, CVM, Nubank, NYSE, sec

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content