terça, 07 de dezembro de 2021
Nova decisão

Justiça condena Chapecoense a pagar R$ 14 milhões à família de jogador que morreu em acidente aéreo

Valor é referente à indenização por danos morais, materiais e pendências financeiras que o clube catarinense tinha com o jogador

28 outubro 2021 - 15h35Por Redação SpaceMoney
ThiegoThiego - Crédito: CBF

A Justiça do Trabalho condenou a Chapecoense a pagar R$ 14 milhões para a família do zagueiro Thiego, uma das vítimas do acidente aéreo em novembro de 2016. O valor é referente à indenização por danos morais, materiais e pendências financeiras que o clube catarinense tinha com o jogador.

A decisão é favorável à viúva e às duas filhas do jogador, que faleceu aos 30 anos de idade na tragédia aérea que completará cinco anos daqui um mês. A maior parte das famílias ainda segue sem receber qualquer tipo de indenização.

A Chapecoense tentou recorrer da decisão de primeira instância, proferida em outubro de 2020, mas não obteve sucesso. O clube poderá recorrer da nova decisão no Tribunal Superior do Trabalho.

*Com informações do Globoesporte.com

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content