Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
finançaspessoais

COM OTIMISMO SOBRE ESTÍMULOS, IBOVESPA ABRE EM ALTA; DÓLAR CAI PARA R$5,06

16 junho 2020 - 10h12Por Redação SpaceMoney

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, abriu o pregão desta terça-feira (16) em alta, seguindo o exterior positivo com os novos estímulos econômicos anunciados nos EUA e no Japão. Por volta das 10h10, os ganhos eram de 0,65%, aos 92.976,40 pontos.

Com o maior apetite ao risco, o dólar caía. A moeda norte-americana registrava desvalorização de 1,53%, cotada a R$ 5,063.

Veja os principais fatores que influenciam o mercado financeiro na sessão de hoje:

Mercados internacionais

No Japão, o índice Nikkei fechou com forte alta, de 4,88%. Já na China, o Shangai Composite ganhou 1,14%.

Na Europa, DAX 30 avançava 4,05%. Enquanto isso, o FTSE 100 tinha alta de 3,51% e o CAC 40 subia 3,71%.

Nos EUA, os futuros operavam em campo positivo, apontando para ganhos entre 2,7% e 3,4% .

Powell

O discurso do presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, ao Senado norte-americano é o destaque do dia. Os investidores esperam não apenas pistas sobre os rumos da economia dos Estados Unidos, mas também os próximos passos da autoridade monetária em termos de pacotes econômicos.

Estímulos econômicos

Ontem, o Fed já anunciou a compra de títulos de empresas como parte de um programa já anunciado, na tentativa de garantir empregos e operações das companhias.

Os estímulos também vieram na Ásia, com a promessa do Banco do Japão de injetar mais US$ 1 trilhão na economia.

Copom

Começa hoje a reunião do Copom (Comitê de Política Monetária) para a decisão da nova Selic. O mercado espera que um corte de 0,75% seja anunciado amanhã, deixando a taxa básica de juros a 2,25%.

Em Brasília

Ainda predomina a incerteza com a saída do secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida. Bruno Funchal, um técnico do ministério da Economia, foi anunciado como substituto, mas permanecem dúvidas sobre os problemas fiscais enfrentados pelo país.

No cenário político, também persiste a tensão entre Executivo e Judiciário, com a prisão de ativistas bolsonaristas ontem. Há especulações também sobre a possível demissão de Abraham Weintraub, ministro da Educação, que fez duras críticas ao Supremo Tribunal Federal no vídeo da reunião ministerial de 22/04.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: