sábado, 04 de dezembro de 2021
ações

CCR, Vale, Magazine Luiza e Linx: notícias que não trazem impacto negativo

27 novembro 2019 - 12h20Por Eduardo Guimaraes
CCR (CCRO3): Redução de tarifa básica de pedágio A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) anunciou a redução de 53,94 por cento da tarifa básica de pedágio de todas as praças compreendidas na BR-163/MS, explorada pela CCR (CCRO3) em regime de concessão. As alegações para a redução são o não cumprimento de cláusulas do contrato, como por exemplo a duplicação de Vias que estavam no contrato. A companhia informou em fato relevante que irá adotar as medidas cabíveis visando reverter a decisão. Vale (VALE3): Reavaliação de ativos deve impactar resultado em 3,2 bilhões de dólares A Vale informou na terça-feira (26) em fato relevante que, após reavaliação de ativos de metais básicos e carvão, realizará baixa contábil no balanço do quarto trimestre, não descartando possíveis reavaliações adicionais ainda em 2019. Linx (LINX3) e Magazine Luiza (MGLU3) fazem parceria para marketplace As duas empresas anunciaram ontem a parceria que visa integrar os clientes da Linx ao comércio eletrônico através dos canais da Magazine Luiza e possibilitara a Magazine Luiza um aumento em seus pontos de entrega ao integrar esses novos lojistas dentro da sua rede de logística.

E Eu Com Isso?

CCR (CCRO3) As ações da CCR devem sofrer impacto no curto prazo devido a decisão de redução das tarifas de pedágio. Não esperamos impactos relevantes nos preços das ações para o médio e o longo prazo, pois: 1) a receita dessa concessão representa menos de 4 por cento da receita bruta e 2) essa concessão, que foi licitada em 2013 uma época de Concessões mal estruturadas, deve ser relicitada em no máximo 2 anos. Vale (VALE3) As ações da Vale devem sofrer impacto no curto prazo devido a notícia. Porém não esperamos impactos negativos no médio e longo prazo, pois 1) o impacto é contábil e não tem efeito Caixa (a Vale não terá que desembolsar nada pela reavaliação) 2) os dois ativos reavaliados não são ativos relevantes dentro da companhia. Magazine Luiza (MGLU3) e Linx (LINX3) Esperamos impactos positivos para ambas as ações. Vai permitir a integração dos clientes da Linx no mercado de varejo digital, aumentando a percepção do valor que a empresa gera para seus clientes. E será positivo para a Magazine Luiza que aumenta sua dominância no mercado de varejo online.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content