terça, 07 de dezembro de 2021
Sem restrições

Cade aprova compra do site Kabum!, a maior aquisição feita pelo Magazine Luiza (MGLU3)

Operação envolve R$ 1 bilhão em recursos financeiros, além de 75 milhões de ações ordinárias na data de fechamento da operação e de um bônus de subscrição de até 50 milhões de ações ordinárias exercíveis em 31 de janeiro de 2024

21 outubro 2021 - 13h38Por Redação SpaceMoney

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a aquisição do site de games e tecnologia Kabum! pelo Magazine Luiza (MGLU3), segundo publicação do Diário Oficial da União (DOU) nesta quinta-feira (21).

Em fato relevante encaminhado aos seus acionistas e ao mercado em geral no mês de julho, a companhia esclareceu que a primeira etapa da aquisição vai ser concluída com o pagamento de R$ 1 bilhão à vista.

Em seguida, será feito o pagamento em 75 milhões de ações ordinárias e bônus de subscrição dos quais o exercício, em 31 de janeiro de 2024, está condicionado ao cumprimento de metas, que darão aos acionistas do KaBuM! o direito de subscrever até 50 milhões de ações do Magalu.

Além da totalidade das ações representativas do capital social do Kabum, o Magazine adquire, indiretamente, as subsidiárias Kabum E-sports e Kabum NA.

"Como justificativa para a realização da operação, as requerentes explicaram que, com a aquisição do Kabum, o Magazine Luiza irá oferecer aos seus clientes, por meio de seus atuais canais de venda, uma nova variedade de produtos focados em itens de alta tecnologia, tais como computadores e periféricos gamer, além de monitores de alta resolução, componentes eletrônicos e outros artigos focados no público que busca artigos de tecnologia avançada. Para o Kabum, a aquisição irá representar uma nova fase, visto que seu portfólio de produtos será complementado pelos produtos do Magazine Luiza e seu nível de serviço será aperfeiçoado por meio da estrutura de entrega e atendimento do Magazine Luiza", afirmam as companhias, em parecer divulgado pelo Cade.

Com informações de Estadão.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content