quarta, 08 de dezembro de 2021
ações

C&A deve entrar com pedido de IPO sigiloso na segunda-feira, diz jornal

29 agosto 2019 - 11h19Por Investing.com
Investing.com - O pedido de registro para abertura de capital da C&A no mercado local de ações deve acontecer antes do esperado. De acordo com a edição desta quinta-feira da Coluna do Broad, do jornal O Estado de S.Paulo, a varejista holandesa deve protocolar a solicitação na próxima segunda-feira (2). No entanto, será em caráter de sigilo, o que quer dizer que as informações da empresa, como demonstrativo financeiro e outros dados sobre sua atividade, não se tornarão públicas. O jornal informa que a possibilidade foi criada neste ano pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM), seguindo um modelo existente nos Estados Unidos desde 2011. Com isso, a C&A será a estreante dessa modalidade. A oferta será coordenada pelo Morgan Stanley (NYSE:MS), Bradesco BBI, Citi, BTG Pactual (SA:BPAC11), XP e Santander (SA:SANB11). O objetivo é conseguir levantar R$ 2 bilhões com a operação. A publicação destaca que a mudança na regra de IPOs da CVM foi uma das mudanças que a autarquia realizou neste ano para ajudar a destravar novas emissões. Isso porque as companhias viam como um obstáculo a necessidade de abrir detalhes estratégicos de suas operações em um momento que ainda poderiam desistir da abertura de capital. Controlada pela Cofra Holding, com sede na Suíça, a C&A atua no mercado nacional há mais de 40 anos, contando com mais de 280 lojas. De acordo com a publicação, a varejista tem um faturamento estimando no país de R$ 5 bilhões ao ano. Essa não é a primeira vez que a marca dá sinais de a em busca de investidores. No passado, a C&A chegou a sondar fundos de private equity, como o Advent.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content