Menu
Busca sábado, 23 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Ibovespa

Azul dispara mais de 6%, no topo de ganhos do Ibov após acordos com Latam

16 junho 2020 - 15h56Por Investing.com
Por Gabriel Codas Investing.com - As ações da Azul (SA:AZUL4) registravam  ganhos do Ibovespa nesta terça-feira, depois de anunciar acordo com a Latam de codeshare e de programas de fidelidade. Com isso, os clientes poderão se conectar entre as malhas domésticas das companhias no Brasil, com a possibilidade de acumular pontos no programa de fidelidade de escolha. Por volta das 15h54, os papéis da Azul tinham ganhos de 3,79% a R$ 22,99, com máxima em R$ 24,46. O Ibovespa registrava alta de 1,41% a 93.674 pontos. No caso dos programas de fidelidade, está aberta a possibilitando para que 12 milhões de associados do TudoAzul e 37 milhões de membros do LATAM Pass possam acumular pontos no programa de sua escolha. O acordo de codeshare incluirá inicialmente 50 rotas domésticas não sobrepostas de/para Brasília (BSB), Belo Horizonte (CNF), Recife (REC), Porto Alegre (POA), Campinas (VCP), Curitiba (CWB) e São Paulo (GRU), oferecendo aos clientes no Brasil várias opções de conexões novas e mais convenientes. Os codeshares também irão possibilitar possibilidade de viagem mais tranquila entre os voos da Azul e LATAM, com bilhetes compartilhados para check-in e despacho de bagagem. Os bilhetes estarão à venda nos próximos meses. “Esses acordos trarão benefícios incomparáveis para os clientes. Com a malha aérea altamente conectada da Azul que atende a muitos destinos no Brasil e com os hubs da LATAM, nossa complementariedade de frota e de malha oferecerão aos clientes a mais ampla variedade de opções de viagem.”, disse John Rodgerson, CEO da Azul. “Como sinal do compromisso de longo prazo da LATAM com o mercado brasileiro, esse acordo de codeshare oferecerá aos clientes o acesso à maior malha de voos na história do país. Entendemos que a crise do COVID-19 exige respostas inovadoras para ajudar a impulsionar a economia da região e o anúncio de hoje faz parte de nossa contribuição para esse esforço. Com os valores compartilhados de atendimento ao cliente tanto da Azul quanto da LATAM e rotas complementares esperamos oferecer uma experiência líder do setor para clientes no Brasil", afirma Jerome Cadier, CEO da LATAM Airlines Brasil. Antes da crise do COVID-19, a Azul e a LATAM Airlines Brasil atendiam um total de 137 destinos no Brasil, com 298 rotas e 1.632 partidas diárias. Em 2019, as duas companhias aéreas receberam reconhecimento por sua experiência de viagem e performance de pontualidade.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: