quinta, 09 de dezembro de 2021
semana

Wall Street em alta com expectativa de cortes de juros, títulos caem

03 julho 2019 - 12h08Por Investing.com
Nesta quarta-feira (3), o mercado acionário em Wall Street subia, já que a queda nos rendimentos de títulos e números decepcionantes de folha de pagamento sustentaram as expectativas de que o Federal Reserve reduzirá as taxas na próxima reunião de política monetária. O S&P 500 subia 7 pontos, ou 0,3%, às 10h54. O Dow subia 56 pontos ou 0,2% e o índice de tecnologia NASDAQ Composite subia 18 pontos, ou 0,2%. A referência, os rendimentos do Tesouro com vencimento para 10 anos caíram para seu nível mais baixo desde novembro de 2016, enquanto o relatório ADP (NASDAQ:ADP), um precursor dos dados mais abrangentes de empregos não-agrícolas de sexta-feira, mostrou que o setor privado norte-americano criou 102.000 empregos em junho, o que ficou abaixo das expectativas dos economistas. Os investidores continuam otimistas de que o banco central reduzirá as taxas, uma vez que a desaceleração do crescimento global alimentado pela guerra comercial e a nomeação da chefe do FMI, Christine Lagarde, para chefiar o Banco Central Europeu aumentaram as expectativas de que o Fed vai afrouxar sua política monetária. Espera-se que as negociações sejam menores já que os mercados fecham hoje às 14h00 e permanecem fechados para o Dia da Independência na quinta-feira. As ações da tecnologia subiam, com o Facebook (NASDAQ:FB) subindo 0,5%, a Apple (NASDAQ:AAPL) ganhando 0,2% e a Tesla (NASDAQ:TSLA) subindo 5,5% depois de entregar mais veículos no segundo trimestre do que o esperado. Por outro lado, Advanced Micro Devices Inc (NASDAQ:AMD) caía 0,8%, enquanto o JPMorgan (NYSE:JPM) caía 0,2% e o Goldman Sachs (NYSE:GS) caía 0,2%. Em commodities, petróleo bruto ganhou 1,4%, para US$ 56,99 o barril. O futuros do ouro subiu 0,6% para US$ 1.416,95 por onça-troy, enquanto o índice dólar, que mede o dólar norte-americano em comparação com a cesta das seis principais moedas, ficou estável em 96,248.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content