Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile

Com noticiário esvaziado, Ibovespa opera próximo da estabilidade; dólar tem queda

23 dezembro 2019 - 11h35Por Redação SpaceMoney
O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, iniciou a sessão desta segunda-feira (23) próximo da estabilidade, com leve queda de 0,02%, aos 115.100,11 pontos, atualizado às 10h26. As tensões comerciais foram reduzidas neste final de ano, acalmando os investidores, em especial pela perspectiva da assinatura da primeira fase do acordo comercial entre EUA e China, marcada para janeiro. Além disso, as bolsas operam sem direção definida na véspera do feriado.

Dólar

Na mesma direção, o dólar comercial operava com queda de 0,28%, cotado a R$ 4,083, no mesmo horário. Esses são os principais acontecimentos para o dia:

EUA

Entre as 10h30 e o meio dia de hoje, diversos indicadores relativos à economia americana, em novembro, devem ser divulgados, entre eles, estão as encomendas de bens duráveis, bens de capital, índice de atividade para o natal e índice de vendas de casas novas. Esses índices devem apontar para um aquecimento da economia americana para o início do ano que vem.

China

A China anunciou hoje que cortará tarifas de importação, para todos os países, de vários produtos, incluindo alimentos, peças de celulares e itens de consumo, com o intuito de diminuir as barreiras comerciais e estimular o consumo. A medida deve entrar em vigor em 1º de janeiro. Essa decisão vem no momento em que a China precisa aumentar seus estoques de carne de porco, diante da epidemia de febre suína que assolou o país em 2019, o que pode beneficiar as exportações brasileiras.

Aço brasileiro

O presidente da república, Jair Bolsonaro, disse que conversou com o presidente americano, Donald Trump, e afirmou que o aço e alumínio brasileiros não sofrerão as sobretaxas anunciadas pelo governante dos EUA há algumas semanas.

Boletim Focus

O Banco Central (BC) divulgou hoje mais uma edição do Boletim Focus, que traz as expectativas do mercado para a economia nacional. Os economistas ouvidos pelo BC reforçam a tendência otimista para o ano que vem, com elevação da estimativa do PIB e da inflação.

Crescimento

O Produto Interno Bruto (PIB) foi elevado pela terceira semana seguida, de 1,12% para 1,16%, neste ano, e, para 2020, a aposta também subiu de 2,25% para 2,28%, consolidando a sétima semana de alta seguida para esse indicador.

Inflação

2019 deve fechar com uma inflação em alta, segundo o levantamento. A aposta subiu de 3,86% para 3,98%, o que ainda está no centro da meta da inflação de 4,25%. Apesar disso, para 2020, o índice apresentou leve queda, de 3,60% para 3,59%.

Dólar

A expectativa é de que a moeda americana feche o ano a R$ 4,10, abaixo do patamar anterior de R$ 4,15. As apostas para 2020 permanecem as mesmas: R$ 4,10.

Selic

Sem novas reuniões do BC ainda este ano, a taxa básica de juros (Selic) está definida para 4,50% e mantida nesse patamar para o ano que vem.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: