Menu
Busca segunda, 18 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Para ficar de olho

Payroll, salários, desemprego, IPCA: 4 assuntos para observar na sexta

Confira quais temas que podem afetar os mercados na próxima sexta-feira

07 outubro 2021 - 18h27Por Investing.com

Por Dhirendra Tripathi a Ana Julia Mezzadri, da Investing.com - As ações dos EUA dispararam nesta quinta-feira (7) conforme o desenrolar do drama no Capitólio, que resultou em um acordo para o aumento do limite da dívida do governo dos EUA até dezembro, impedindo possível calote.

O aumento do limite aprovado pelos senadores foi de US$ 480 bilhões, o que praticamente garantiu outro confronto partidário às vésperas de um feriado.

Incertezas com o impasse do limite da dívida pressionaram as ações. Investidores ficam de olho na sexta-feira no relatório de empregos de setembro, ao mesmo tempo um barômetro sobre as condições da recuperação econômica e ferramenta que o Federal Reserve lançará mão para determinar o momento de iniciar o programa de redução gradual.

A boa notícia é que os pedidos iniciais de seguro-desemprego caíram mais do que o esperado na semana passada, o que indica recuperação do mercado de trabalho.

As ações de energia também subiram depois da retomada dos preços do petróleo. No início do dia, houve preocupações com um potencial aumento no fornecimento, depois que os EUA anunciaram que considerariam explorar as reservas emergenciais de petróleo para aliviar as pressões sobre os preços dos combustíveis.

Apesar da alta no exterior, o Ibovespa perdeu força e fechou o dia quase em estabilidade, subindo 0,02%.

Aqui estão quatro coisas que podem afetar os mercados na próxima sexta-feira (8):

1. IPCA

O mercado aguarda com cautela a leitura do IPCA de setembro, que será publicada às 9h. As expectativas são de alta mensal de 1,25%, aceleração em relação aos 0,87% de agosto. Na comparação anual, o mercado antecipa alta de 10,33%, contra 9,68% no mês passado. 

2. Payroll

Espera-se uma alta no número de empregos gerados nos EUA em setembro, após a decepção de apenas 235.000 em agosto. De acordo com estimativas, o Departamento do Trabalho dos EUA deve anunciar um número em torno de 500.000 para empregos criados no mês passado. O total de agosto foi o pior desde janeiro.

3. Salário médio por hora

Espera-se que os salários tenham mantido a tendência de alta, mas em ritmo mais lento em setembro. Provavelmente, os ganhos médios por hora aumentaram 0,4% no comparado mensal em relação aos 0,6% de agosto, de acordo com estimativas de analistas consultados pelo Investing.com.

4. Desemprego

taxa de desemprego dos EUA deve ter caído de 5,2% em agosto para 5,1% em setembro. Os dados de empregos são divulgados às 9h30 (horário de Brasília).

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: