domingo, 14 de agosto de 2022
Para ficar de olho

Índice PCE, sentimento do consumidor, PIB nos EUA, mudança nos precatórios: 4 assuntos para observar

Confira quatro assuntos que podem afetar os mercados na próxima quarta-feira (24):

23 novembro 2021 - 19h48Por Investing.com
arthur liraarthur lira

Por Dhirendra Tripathi e Jessica Bahia Melo, da Investing.com – As ações de tecnologia pesaram sobre os mercados na terça-feira (23), enquanto os rendimentos dos títulos subiram e os investidores se voltaram para os setores de finanças e energia. A Nasdaq permaneceu no vermelho na maior parte do dia, ficando lá restando meia hora de negociação no pregão.

Os preços do petróleo saltaram depois que os Estados Unidos se uniram a outros países para liberar suas reservas estratégicas de petróleo, um movimento que pretende baixar os preços da gasolina para os consumidores, embora geralmente leve algumas semanas para essa transição ocorrer. 

A ação também é uma das formas pelas quais o Presidente Joe Biden está tentando conter a inflação depois de os preços ao consumidor de outubro apresentarem seu mais rápido aumento em 31, algo que tende a irritar os eleitores.

Uma pesquisa da IHS Markit mostrou que a atividade comercial dos EUA diminuiu moderadamente em novembro, como publicou a Reuters, com escassez de mão de obra e atrasos de matérias-primas. Elas ainda estão no terreno da expansão em função da pujança do setor de manufatura.

Os varejistas continuam a relatar problemas com fornecimentos às vésperas das festas de fim de ano. As ações da Best Buy Co (NYSE:BBY) (SA:BBYY34) tropeçaram após a empresa prever vendas comparáveis menores no quarto trimestre.

A quarta-feira traz uma torrente de relatórios de dados às portas do feriado de Ação de Graças na quinta-feira, quando os mercados de ações dos EUA estarão fechados. Os mercados reabrirão novamente na sexta-feira, mas com fechamento mais cedo. E ainda temos a divulgação da ata da última reunião do Federal Reserve no início da tarde. No Brasil, dados da receita tributária, fluxo cambial estrangeiro, confiança do consumidor e relatório de empregos do CAGED devem ser divulgados.

Confira quatro assuntos que podem afetar os mercados na próxima quarta-feira (24):

1. Índice PCE nos EUA

O índice de preço das despesas de consumo pessoal, que exclui os componentes voláteis de alimentos e energia, deverá apresentar aumento de 0,4% em outubro no mês a mês. Isso vem na sequência do aumento de 0,2% em setembro. Numa base anual, é provável que o aumento tenha sido de 4,1%, após a escalada de 3,6% em setembro, de acordo com os analistas acompanhados pelo Investing.com. Os dados saem às 12h.

2. Sentimento do consumidor de Michigan

A leitura final do sentimento do consumidor dos EUA de novembro, refletida no Índice de Sentimento do Consumidor da Universidade de Michigan, deve apresentar uma melhora negligenciável para 66,9, em contraste com a previsão preliminar de 66,8. A leitura sai às 12h.

3. Outra impressão do PIB dos EUA

PIB, a soma de todos os bens e serviços produzidos, deve apresentar crescimento de 2,2% no terceiro trimestre. Os dados saem às 10h30.

4. Alterações na PEC dos Precatórios no Brasil

Durante apresentação nesta terça-feira (23), o relator da proposta de emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), mostrou as mudanças que vai sugerir no texto, às vésperas da votação da medida na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), prevista para esta quarta-feira (24).

Entre as alterações, tornar o Auxílio Brasil permanente. Além disso, o texto vai garantir que a verba seja usada para o programa social e gastos obrigatórios, não com aumento de servidores, como afirmou o presidente Jair Bolsonaro. Caso o texto tenha  modificações no Senado, a proposta precisa passar novamente por apreciação da Câmara dos Deputados.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: