quarta, 29 de maio de 2024
Criptomoedas

Decisão da SEC sobre negociação de opções em ETFs de Bitcoin (BTC) à vista foi adiada novamente

Data limite foi definida para 29 de maio

09 abril 2024 - 13h55Por Redação SpaceMoney

A Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) adiou, mais uma vez, a decisão sobre a aprovação da negociação de opções em ETFs de Bitcoin à vista. A nova data limite foi definida para 29 de maio de 2024, concedendo à SEC mais tempo para analisar a proposta e tomar uma decisão final. 

A decisão de adiar a decisão foi publicada em um aviso nesta segunda-feira (9), informando que a Comissão precisa de mais tempo. No aviso, o regulador informava que a data do final de maio foi escolhida para a SEC decidir se irá aprovar ou desaprovar.  

Cartão 1inch Network permite compras com criptomoedas

Dois ETFs de Bitcoin à vista foram mencionados na proposta: o Bitwise Bitcoin ETF e o Grayscale Bitcoin Trust. No entanto, a proposta também abre a porta para "qualquer fundo que detenha Bitcoin".  

A iniciativa de permitir a negociação de opções em ETFs de Bitcoin à vista foi originalmente proposta pela Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) em 9 de fevereiro. A NYSE, como agência autorreguladora (SRO), precisou solicitar uma mudança de regra e permitir comentários públicos antes que a SEC pudesse tomar uma decisão. 

Apenas dois comentários públicos foram recebidos pela SEC: um do CEO da Grayscale, Michael Sonnenshein, e outro do Professor James Angel, da Universidade de Georgetown. O Professor Angel, em sua carta de 13 páginas, criticou a forma como a SEC lida com ETFs de Bitcoin e criptomoedas em geral, questionando se a Comissão não teria "coisas melhores para fazer do que perder tempo".