segunda, 27 de maio de 2024

Analistas aconselham compra de ação de mineração de Bitcoin (BTC) antes do halving

Preço do BTC se mantém forte e a Bernstein prevê novos máximos em 2024

09 fevereiro 2024 - 13h39Por Redação SpaceMoney

As empresas de mineração de Bitcoin (BTC) podem estar prestes a entrar em um período de alta, impulsionado pela recente aprovação de fundos negociados em bolsa (ETFs) de Bitcoin à vista nos EUA e pela próxima redução pela metade da recompensa dos mineiros, conhecida como halving. A corretora Bernstein aconselha os investidores a comprarem ações preferenciais de empresas de mineração antes do halving, que está previsto para acontecer em abril. 

O Bitcoin teve um bom desempenho antes do halving, e a Bernstein acredita que essa tendência continuará durante o resto do ano. A corretora destaca que o preço do Bitcoin subiu após cada um dos três halvings anteriores e que, desta vez, a criptomoeda já está forte antes do evento. Na manhã desta sexta-feira, o Bitcoin atingiu US$ 47 mil, seu maior valor em um mês. 

Indústria do Reino Unido critica propostas regulatórias para stablecoins

Com essa valorização, a Bernstein recomenda que os investidores obtenham exposição ao Bitcoin por meio de ações de empresas de mineração. As principais escolhas da corretora no setor são Riot Platforms (RIOT) e CleanSpark (CLSK), ambas com classificação de desempenho superior. 

Segundo os analistas Gautam Chhugani e Mahika Sapra, “dado o impulso positivo dos fluxos de ETF, a ação resiliente dos preços do BTC e os mineradores saudáveis adicionando capacidade ao halving, nos sentimos confortáveis em recomendar aos investidores que entrem aqui para nossos nomes preferidos”. 

“A narrativa institucional liderada pelos ETFs de bitcoin está impulsionando a demanda, e sendo o bitcoin o ativo reflexivo, esperamos que um preço mais alto traga maiores fluxos de ETF, levando a novos máximos em 2024”, completaram.