Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Temores com medidas restritivas

Varejo e shoppings despencam com receio por lockdowns em meio à alta da Covid-19

03 março 2021 - 12h34Por Investing.com

Por Ana Carolina Siedschlag, da Investing.com - As ações do setor de varejo da B3 (SA:B3SA3) caíam nesta quarta-feira (3), com receios de que a alta exponencial dos casos de Covid-19 resultem em mais lockdowns em mais cidades do país.

Perto das 12h40, Lojas Americanas (SA:LAME4), B2W (SA:BTOW3) e Lojas Renner (SA:LREN3) caíam 3,38%, 4,06% e 2,25%, respectivamente, enquanto Cia Hering (SA:HGTX3) e Via Varejo (SA:VVAR3) tinham quedas acima de 4%. Magazine Luiza (SA:MGLU3) operava em queda de 1% após anunciar a aquisição de uma startup de sistemas no segmento de varejo alimentar. O Ibovespa recuava 2,10%, a 109.202 pontos.

Segundo agências de notícias, o governo de São Paulo estaria estudando colocar todo o estado na fase vermelha, a mais restritiva e que só permite o funcionamento de atividades essenciais. A decisão deve ser comunicada pelo governador João Doria, em coletiva perto das 12h30.

Ao menos dez estados brasileiros já adotam algum tipo de restrição social geral, principalmente na parte da noite e nos finais de semana, com fechamento de shoppings e comércio de rua, além de restrições para bares e restaurantes.

As ações do segmento imobiliário também caíam, lideradas pelos shoppings, com JHSF (SA:JHSF3), Multiplan (SA:MULT3), BR Malls (SA:BRML3) caindo entre 3,6% e 1,2%.

Veja como as ações operaram hoje no Ibovespa

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: