Menu
Busca domingo, 24 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Commodities

Petróleo cai com rumores sobre Irã; dólar fraco limita perdas

O WTI teve queda de 1,2%, enquanto o Brent caiu 1,1%

18 maio 2021 - 18h12Por Investing.com

Por Barani Krishnan, da Investing.com - Os preços do petróleo caíram mais de 1% na terça-feira (18) com vendas impulsionadas por rumores de que o Irã estava à beira de um acordo nuclear para encerrar as sanções dos EUA sobre seu petróleo, antes de o diplomata russo responsável pela informação basicamente dizer que foi citado incorretamente.

A queda do dólar para mínimas de três meses também ajudou a limitar as perdas do petróleo, que inicialmente caíam mais de 2% no dia.

O West Texas Intermediate negociado em Nova York, a referência para o petróleo dos EUA, fechou em baixa de 78 centavos de dólar, ou 1,2%, a US$ 65,49 por barril. Anteriormente, atingiu uma mínima na sessão de US$ 64,17.

O Brent negociado em Londres, a referência global para o petróleo, fechou em queda de 75 centavos, ou 1,1%, a US$ 68,71. O contrato caiu para US$ 67,30 durante o dia.

O petróleo caiu inicialmente com notícias citando Mikhail Ulyanov, o representante permanente da Rússia nas organizações internacionais baseadas em Viena, dizendo que "grande progresso" havia sido alcançado nas negociações com Teerã para um acordo nuclear e que "notícias importantes provavelmente virão amanhã ".

Ulianov, no entanto, negou mais tarde que um acordo estava por vir. “Eu não disse que houve qualquer avanço nas negociações nucleares com o Irã. Há um progresso significativo, mas os problemas permanecem”, acrescentou.

O petróleo passou por uma suspensão da liquidação depois que o Índice Dólar, que compara a moeda com o euro e cinco outras divisas importantes, caiu para uma baixa de 89,68 durante a sessão - uma mínima desde 25 de fevereiro.

O Irã disse anteriormente que poderia retornar “em alguns meses” ao pico de sua produção de quase 4 milhões de barris por dia uma vez que as sanções ao seu petróleo - impostas pelo ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump em 2018 - forem suspensas. Fontes familiarizadas com a produção de petróleo do país estimam atualmente sua produção em cerca de 2 milhões de barris diários.

Analistas dizem que a oferta adicional do Irã, quando vier, forçará uma reconfiguração da oferta global de petróleo que pode ser mais baixista do que altista - especialmente com dúvidas sobre o ressurgimento da demanda após novos surtos de coronavírus na Índia, terceiro maior consumidor de petróleo.

Os investidores também estão à espera de dados semanais sobre oferta e demanda de petróleo dos EUA do API, ou American Petroleum Institute.

Os dados do API serão lançados antes do relatório oficial de quarta-feira da Administração de Informação de Energia dos EUA sobre oferta e demanda de produtos petrolíferos para a semana encerrada em 14 de maio.

De acordo com um consenso de analistas monitorados pelo Investing.com, os estoques de petróleo dos EUA provavelmente aumentaram 1,6 milhão de barris na semana passada, contra a queda de 427.000 barris observada na semana terminada em 7 de maio.

Os estoques de gasolina provavelmente caíram 886.000 barris, contra o aumento de 378.000 na semana anterior, mostra o consenso.

E os estoques de destilados, compostos por diesel e óleo de aquecimento, provavelmente contraíram 386.000 barris na semana passada, depois de cair 1,7 milhão de barris na semana anterior.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: