Menu
Busca quinta, 21 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Radar corporativo

Papéis de Turismo voltam a subir, de olho em vacina; PetroRio cai

Essas são as principais notícias corporativas desta terça-feira (30)

30 março 2021 - 10h43Por Investing.com

Por Ana Carolina Siedschlag, da Investing.com - Papéis ligados ao Turismo como CVC Brasil (SA:CVCB3) e Gol (SA:GOLL4) voltavam a subir nesta terça-feira (30), com perspectivas para a vacinação da população brasileira no radar. GPA (SA:PCAR3), MRV (SA:MRVE3) e Cosan (SA:CSAN3) lideravam as altas. Na outra ponta, PetroRio (SA:PRIO3) avançava entre as maiores quedas da B3 (SA:B3SA3) com o recuo do petróleo no exterior.

Essas são as principais notícias corporativas do dia:

Vale (SA:VALE3) - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), a BNDESPar e a União vão realizar uma oferta pública secundária com esforços restritos para vender pelo menos 142 milhões de debêntures emitidas pela Vale. Os papéis da mineradora caíam 0,23%, a R$ 97,76.

Petrobras (SA:PETR4) - A produção da Bacia de Campos, localizada no norte fluminense, registrou, ao fim de 2020, o menor volume deste século, de 679 mil barris por dia (bpd). Deste total, 607 mil bpd foram extraídos pela Petrobras, segundo dados divulgados pela empresa e compilados pelo Instituto de Estudos Estratégicos de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (Ineep).

Petrobras II - Homem de confiança do presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, o gerente executivo de Recursos Humanos da empresa, Claudio Costa, foi demitido nesta segunda-feira por negociar ações da estatal em bolsa poucos dias antes do anúncio do lucro recorde do quarto trimestre do ano passado. A ação preferencial caía 0,42%, a R$ 23,73.

Linx (SA:LINX3) - A Linx no âmbito do processo de preparação de suas demonstrações financeiras relativas ao exercício social de 2020, a companhia constatou que a sua controlada, Linx Pay, apresentou perdas operacionais incomuns em razão do cancelamento de transações atípicas por parte de terceiros na utilização de máquinas comercializadas por um parceiro comercial da Linx Pay. Com isso a companhia estima reconhecer perdas de aproximadamente R$ 41 milhões que serão integralmente contabilizadas no quarto trimestre de 2020. O papel caía 0,11%, a R$ 37,58.

IMC - A International Meal Company (SA:MEAL3) (IMC) apresentou prejuízo líquido de R$ 39,5 milhões no quarto trimestre, contra prejuízo de R$ 25,3 milhões no mesmo período de 2019. O papel subia 2,02%, a R$ 3,53.

Natura (SA:NTCO3) - A Natura deve assinar nesta terça-feira (30) um acordo com a Frente Nacional de Prefeitos (FNP) para doar R$ 4 milhões para a compra de vacinas e insumos hospitalares para a rede pública de saúde, informa a Folha de S. Paulo. A ação caía 0,15%, a R$ 48,35.

Eucatex (SA:EUCA4) - A Eucatex registrou lucro líquido de R$ 41,5 milhões no quarto trimestre, alta de 79,5% na base anual, e de R$ 94,8 milhões em 2020, avanço de 24,9%. Os papéis acelerava alta para 12,75%, a R$ 23.

Eternit (SA:ETER3) - A Eternit anunciou nesta terça-feira (30) a compra da Confibra, fabricante de telhas de fibrocaimento, por R$ 110 milhões. O papel subia 1,18%, a R$ 19,68.

Banco BMG (SA:BMGB4) - O Banco BMG informou que o pagamento de juros sobre capital próprio, aprovado em dezembro pelo Conselho de Administração, será feito no dia 1 de abril. A ação subia 0,78%, a R$ 5,15.

Petz (SA:PETZ3) - A Petz comunicou nesta segunda-feira que sua marca rede de centros veterinários, Seres, está suspendendo as cirurgias eletivas nas clínicas e nos 10 hospitais que realizam este tipo de intervenção. O objetivo é reduzir novas demandas de medicamentos, anestésicos e oxigênio, aumentando a disponibilidade dos insumos no mercado, considerando a escassez nas redes públicas e privadas dos hospitais do o Sistema de Saúde do País. Os papéis caíam 0,36%, a R$ 19,17.

SulAmérica (SA:SULA11) - A Assembleia Geral Extraordinária da SulAmérica aprovou o aumento de R$ 1 bilhão do capital social da companhia mediante capitalização de parte do saldo da conta de Reserva Estatutária, com emissão de 72,8 milhões de novas ações, sendo 36,5 milhões ordinárias e 36,3 milhões preferenciais. A ação subia 0,11%, a R$ 33,37.

Com Reuters, Estadão Conteúdo e Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: