quinta, 09 de dezembro de 2021
Acima dos 120 mil pontos

O que explica a alta do Ibovespa nos últimos dias?

Especialistas apontam como principais causas o rali de commodities e alta do setor bancário

20 abril 2021 - 12h01Por Redação SpaceMoney
 - Crédito: M. B. M. via Unsplash

Depois de dois meses, Ibovespa superou os 120 mil pontos impulsionado pelo novo ciclo das commodities, que tem beneficiado as empresas do setor

O Ibovespa superou os 121 mil pontos nesta segunda-feira (19), alta que já vinha acontecendo desde a última semana. Enquanto isso, nas últimas semanas, o Brasil tem registrado recorde de mortes, a CPI da Covid foi instalada, impasses sobre o orçamento têm aumentado, juros de títulos públicos prefixados do Tesouro bateram 9% e diversas estimativas para o PIB estão sendo revisadas.

De acordo com o último Boletim Focus do Banco Central, que reúne as projeções das principais instituições financeiras do país, o mercado espera avanço de 3,04% para o PIB deste ano ante 3,41% no início do ano.

Nas últimas semanas, o indicador patinou diante do cenário conturbado e vacinação lenta.

"No Brasil, essa visão meio de lado na bolsa esconde um backstage diferente. Ações de commodities têm subido em relação a outros setores que caíram. Na média, deixou o índice meio parado", afirma João Beck, economista e sócio da BRA.

"Olhando somente o preço das ações versus o lucro esperado das empresas, a Bovespa negocia com deságio de quase 50% em relação ao S&P. Muito se falou em rotação de empresas de tecnologia para empresas mais tradicionais. Mas outra rotação que não se comentou foi o fluxo de saída de dinheiro do Brasil por conta da alta de juros no EUA e maior perspectiva de crescimento da economia por lá", comenta João.

Vale observar ainda que enquanto o S&P 500 sobe 9,81% em 2021, o Ibovespa saiu há pouco tempo do zero a zero.

"É importante destacar que a Bolsa brasileira está bem atrasada, mas uma coisa que justifica essa subida é justamente o rali de commodities, além do setor bancário que voltou a subir forte", afirma Rossano Oltramari, sócio e estrategista da 051 Capital. "Acreditamos que existe espaço para que a Bolsa valorize mais e rompa a marca de 125 mil pontos, que chegamos em janeiro deste ano", diz.

Para Jansen Costa, sócio-fundador da Fatorial Investimentos, a bolsa vem subindo nas últimas semanas impulsionada, principalmente, pelas commodities.

"O setor de índice de materiais básicos com empresas como Vale, Gerdau, Usiminas, Casa de Pedra, entre outros ativos ligados à mineração têm subido. Observamos também o setor de consumo ligado a exportação impulsionando a bolsa, como o frigorifico, ligado a empresas como JBS, Mafrig e Minerva", completa.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content