quinta, 02 de dezembro de 2021
Abertura de mercado

O que esperar para bolsa e câmbio no Brasil nesta sexta-feira (11)

Essas são as principais notícias, a agenda das autoridades e o informe corporativo do dia

11 junho 2021 - 09h34Por Investing.com

Por Ana Carolina Siedschlag, da Investing.com - O Ibovespa Futuros abriu em alta e subia 0,03% nesta sexta-feira (11), enquanto o dólar futuro caía 0,15%, a R$ 5,065, com os investidores de olho no exterior morno, enquanto o noticiário fica em torno dos debates sobre a vacinação e a recente investida do presidente Jair Bolsonaro contra o uso obrigatório de máscaras, que evitam a contaminação por Covid-19.

O Brasil registrou nesta quinta-feira 2.504 novas mortes em decorrência da Covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 482.019, informou o Ministério da Saúde. Também foram contabilizados, de acordo com a pasta, 88.092 novos casos de coronavírus, com o total de infecções no país avançando para 17.210.969.

Ontem, o presidente Bolsonaro afirmou que o Ministério da Saúde finaliza um parecer que irá desobrigar o uso de máscaras àqueles que já estiverem vacinados ou ainda a quem já tiver contraído a Covid-19.

O comentário trouxe forte repercussão negativa por especialistas da área médica, que defendem o uso do equipamento de proteção enquanto o Brasil não atingir uma taxa de vacinação de ao menos 70% - no momento, apenas cerca de 11% da população brasileira já recebeu as duas doses da vacina contra o vírus.

Enquanto isso, o Supremo Tribunal Federal (STF) liberou nesta quinta-feira a realização da Copa América no Brasil após rejeitar, em julgamento no plenário virtual da corte, três ações que buscavam impedir a realização do torneio de futebol que será realizado no país mesmo em meio ao elevado número de casos e mortes por Covid-19.

Lá fora, os futuros do Dow Jones, S&P 500 e do Nasdaq 100 subiam 0,26%, 0,18% e 0,17%, respectivamente. Já o (NYSE:EWZ), o principal ETF brasileiro negociado no exterior, caía 0,02% no pré-mercado em Nova York.

Notícias do dia
Vacinas
- A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta sexta-feira o uso da vacina da Pfizer (NYSE:PFE) contra a Covid-19 em crianças maiores de 12 anos, seguindo a norma já adotada em outros países, como os EUA.

Supermercados - As vendas nos supermercados registraram um crescimento de 4% no primeiro quadrimestre de 2021 na comparação com o mesmo período do ano passado.

Algodão - As exportações de algodão do Brasil atingiram 115.243 toneladas em maio, alta de 66% na comparação anual e novo recorde para o mês, com uma forte demanda chinesa pela pluma brasileira, informou a Associação Brasileira de Produtores de Algodão (Abrapa) nesta quinta-feira.

Voto impresso - O presidente Jair Bolsonaro defendeu novamente a aprovação de uma emenda à Constituição que garanta a impressão do comprovante do voto para urnas eletrônicas para a disputa de 2022.

Orçamento - O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quinta-feira a lei que abre crédito suplementar ao Orçamento da União no valor de R$ 19,8 bilhões. A suplementação foi aprovada pelo Congresso Nacional no dia 1º deste mês. O valor recompõe as despesas primárias que foram reduzidas pelo Congresso na votação do projeto da Lei Orçamentária Anual de 2021.

Agenda do dia
Bolsonaro
- Cerimônia de Entrega do Residencial Solar São Mateus (ES), às 13h.

Guedes - Audiência com a ministra de Finanças do Uruguai, Azucena Arbeleche, às 10h, reunião com a chefe da Assessoria Especial de Assuntos Estratégicos, Daniella Marques, às 15h, reunião virtual com a Coalizão Indústria, às 17h.

Campos Neto - Reunião com o Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, dirigentes de instituições financeiras e representantes da Febraban, às 9h.

Notícias corporativas
BRF
(SA:BRFS3) - A companhia de alimentos BRF construirá um novo centro de distribuição na região da Grande Vitória (ES), com investimentos estimados em R$ 70 milhões, informou a empresa em nota divulgada nesta quinta-feira.

Petrobras (SA:PETR4) - A Petrobras informou ter concluído nesta quinta-feira, por meio da sua subsidiária integral Petrobras Global Finance B.V. (PGF), oferta de títulos no mercado de capitais internacional no valor de US$ 1,5 bilhão, com vencimento em junho de 2051.

Petrobras II - A Petrobras reiterou que venderá sua participação de 37,5% na BR Distribuidora (SA:BRDT3) por meio de oferta secundária de ações (follow on). A decisão havia sido tomada pelo conselho de administração da empresa em agosto do ano passado, ainda na gestão do ex-presidente da petrolífera, Roberto Castello Branco.

Ambipar - A Ambipar Participações e Empreendimentos anunciou nesta quinta-feira a aquisição de 100% da Metal Ar Engenharia Ltda, através de sua controlada Environmental Participações. O valor da transação não foi divulgado.

CCR (SA:CCRO3) - A CCR informou que fechou nesta quinta-feira após aprovação dos financiadores e dos órgãos de governança da companhia, o Primeiro Termo Aditivo ao Contrato de Concessão de sua controlada direta, a Concessionária de Rodovias Sul - Matogrossense S.A. (MSVia) com a União, por meio da ANTT.

Unipar (SA:UNIP3) - A Unipar informou que concluiu a conversão de 90.610 ações preferenciais classe A em igual número de ações preferenciais classe B, atendendo a solicitação de acionistas e segundo possibilidade prevista no estatuto social da companhia.

Cemig (SA:CMIG4) - O fundo FIA Dinâmica Energia, do Banco Clássico, comunicou à Cemig que elevou sua participação no capital social da companhia de 10,47% para 12%, após a compra de 2 milhões de ações preferenciais. Essa fatia está dividida em 25,91% de ações ON e 5,01% de ações PN.

Equatorial - A Equatorial Energia anunciou a aquisição, por meio de sua subsidiária Equatorial Geração Distribuída, da E-Nova por R$ 7,5 milhões. Segundo o site da empresa comprada, a E-Nova é pioneira em energia solar no Brasil, líder no Maranhão e uma das cinco maiores do Nordeste.

Sabesp (SA:SBSP3) - A companhia paulista de saneamento básico Sabesp informou nesta quinta-feira que seu conselho de administração aprovou uma emissão de debêntures de até R$ 1,2 bilhão.

Codesa - O governo federal publicou as regras para a desestatização da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa). De acordo com a medida, a ação acontecerá por meio da venda de 100% das ações da estatal.

Samarco - A Samarco protocolou nesta quinta-feira seu plano de recuperação judicial na 2ª Vara Empresarial da Comarca de Belo Horizonte, propondo descontos de 85% no valor a ser pago aos maiores credores da companhia que não aceitarem receber ações preferenciais da mineradora, disseram à Reuters fontes com conhecimento do plano.

Visa - Fernando Teles, que comandava a Visa no Brasil, deixou a casa nesta quinta-feira. A bandeira de cartões de crédito emitiu uma nota para informar da saída do executivo de seus quadros e informou que iniciou "a busca por um novo profissional para essa importante função na Visa".

--Reuters, Estadão Conteúdo e Agência Brasil.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content