quinta, 20 de janeiro de 2022
[Square Banner - Mobile Topo 2] [300x250] [mobile] - Assessoria Ipê Investimentos 2022
[SpaceNow Desktop] [200x74] [spacenow] - Melhores oportunidades 2022
[SpaceNow Mobile] [150x74] [spacenow] - Melhores oportunidades 2022
Combinação de negócios

Linx avança após recomendação de aprovação do Cade para negócio com a Stone

A Linx afirmou que a conclusão da operação ainda depende da aprovação final do Cade, que deve ocorrer nos próximos 15 dias

22 março 2021 - 11h00Por Investing.com
[Billboard Topo 2] [970x250] [pagina-inicial] - Assessoria Ipê Investimentos 2022

Por Ana Carolina Siedschlag, da Investing.com - Os papéis da Linx (SA:LINX3) subiam 1,89% nesta segunda-feira (22) após a Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) recomendar a aprovação, sem restrições, da combinação de negócios da empresa com a Stone (NASDAQ:STNE), anunciada em agosto do ano passado, conforme despacho publicado no Diário Oficial da União.

Perto das 11h02, a ação da Linx era negociada a R$ 37,75, com queda acumulada de 2,38% nos últimos trinta dias e alta de 100% nas últimas 52 semanas. Já os papéis da Stone, listada na Nasdaq, nos EUA, subiam 0,45%, a US$ 67,21.

A Linx afirmou que a conclusão da operação ainda depende da aprovação final do Cade, que deve ocorrer nos próximos 15 dias se não houver manifestação de terceiros, entre outros fatores.

[04] [Square Detalhe Notícia] [300x250] [geral] Melhores investimentos 2022

Em novembro, acionistas da Linx aprovaram a oferta de aquisição da empresa feita pela processadora de cartões, em um negócio de aproximadamente R$ 6,8 bilhões.

Com informações da Reuters

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content