quarta, 08 de dezembro de 2021
EUA

Libro Bege: Empresas enfrentam aumento nos salários, mas a inflação continuará modesta

03 março 2021 - 18h07Por Investing.com

Por Yasin Ebrahim, da Investing.com - O crescimento econômico continuou em um ritmo modesto e as empresas devem enfrentar um aumento dos salários nos próximos meses, mas a inflação geral provavelmente permanecerá estável, de acordo com o Livro Bege do Fed, divulgado na quarta-feira (3).

O relatório econômico Livro Bege, que se baseia em informações coletadas pelos 12 bancos de reserva do Fed até 22 de fevereiro, mostrou que o crescimento econômico e do mercado de trabalho dos EUA, bem como a inflação, permaneceram modestos, mesmo com a distribuição de vacinas acelerando.

"A maioria dos distritos relatou que os níveis de emprego aumentaram durante o período do relatório, embora lentamente ... com a escassez de oferta de empregos mais aguda entre as ocupações de baixa qualificação e cargos comerciais qualificados. No geral, espera-se que os aumentos salariais para muitos distritos persistam ou melhorem um pouco nos próximos meses", de acordo com o Livro Bege.

A atualização sobre o mercado de trabalho ocorre no momento em que dados de quarta-feira mostraram que menos empregos do que o esperado foram criados no mercado privado, moderando o otimismo dos investidores um pouco antes do relatório de payroll não-agrícola, que será divulgado na sexta-feira.

O impacto do crescimento mais rápido dos salários, no entanto, não deve se traduzir em um ritmo mais acelerado de inflação no momento em que os custos dos insumos estão subindo moderadamente, liderados pelos preços do aço e da madeira serrada, já que muitos varejistas não conseguem repassar os preços ao consumidor.

"Vários distritos relataram aumentos salariais modestos para cargos de alta demanda, com muitos notando também uma pressão ascendente sobre os salários para atrair e reter funcionários. Em suma, espera-se que os aumentos salariais para muitos distritos persistam ou aumentem um pouco nos próximos meses", afirmou. o Livro Bege.

As perspectivas para o consumidor, a espinha dorsal da economia dos EUA, permanecem obscuras, na melhor das hipóteses, em meio às restrições contínuas da Covid-19.

"Os relatórios sobre os gastos do consumidor e as vendas de automóveis foram mistos. Embora alguns distritos tenham relatado ligeiras melhorias na atividade de viagens e turismo, as condições gerais no setor de lazer e hospitalidade continuaram a ser restringidas pelas restrições contínuas de combate à Covid-19", de acordo com o relatório.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content