Menu
Busca quinta, 28 de outubro de 2021
Moeda do Reino Unido

Libra escorrega antes de decisão do BoE; taxas negativas são esperadas

01 fevereiro 2021 - 18h35Por Investing.com

Por Yasin Ebrahim, da Investing.com - A libra caiu em relação ao dólar na segunda-feira (1), faltando apenas alguns dias para o Banco da Inglaterra proferir sua decisão de política monetária e seu relatório ansiosamente aguardado sobre a viabilidade de taxas negativas.

O par GBP/USD caiu 0,16% para US$ 1,3878.

O Banco da Inglaterra deve manter as taxas e o ritmo de compra de títulos na quinta-feira, mas o banco central fornecerá pistas sobre se as taxas negativas devem fazer parte de seu kit de ferramentas de política.

O BoE também divulgará seu relatório de viabilidade sobre o impacto das taxas negativas sobre os bancos.

O governador do BoE, Andrew Bailey, havia minimizado a perspectiva de taxas negativas, citando preocupações sobre o impacto no sistema bancário.

As chances de taxas negativas sofreram um revés recentemente, já que um acordo do Brexit foi finalmente fechado, aliviando a incerteza comercial entre o Reino Unido e a UE, enquanto a rápida distribuição de vacinas em todo o Reino Unido também iluminou as perspectivas econômicas.

"Além dos desafios operacionais e da prontidão geral do sistema financeiro, é improvável que o BoE acredite que haja um caso baseado em fundamentos para taxas negativas, dado que a) um acordo Brexit foi alcançado, b) as perspectivas econômicas sobre o horizonte da política monetária devem ser impulsionadas pelas vacinas, e c) o BoE deve antecipar uma forte recuperação da atividade econômica."

O Reino Unido continua a caminho de atingir sua meta de vacinar 15 milhões de suas pessoas mais vulneráveis até meados de fevereiro, com mais de 9 milhões já tendo recebido a vacina.

"À medida que a pressão sobre o sistema de saúde diminui, pode haver espaço para um relaxamento mais rápido nas restrições sociais, permitindo que algumas das piores áreas da economia e do mercado do Reino Unido se recuperem - investimento, emprego e serviços financeiros e ao consumidor", disse a Jefferies em uma nota de pesquisa.

Ainda assim, o impulso para a economia com a rápida implantação da vacina provavelmente não se refletirá no crescimento do Reino Unido até 2022, de acordo com o Fundo Monetário Internacional.

Em sua última previsão, o FMI previa que o PIB do Reino Unido cresceria 4,5% este ano, uma queda de 1,4% em relação aos 5,9% estimados anteriormente em outubro do ano passado.

Antes da decisão do BoE, os especialistas estão pedindo aos investidores que comprem libras esterlinas em relação ao dólar. "Estamos recomendando uma ideia de negociação de longo prazo. A GBP atualmente tem um forte impulso de alta em relação ao euro e ao dólar. Esperamos que o impulso de alta da GBP se estenda ainda mais no curto prazo", disse o MUFG.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: