Menu
Busca domingo, 24 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
B3

Ibovespa fica abaixo dos 120 mil pontos após juros de 10 anos dos EUA disparar

Às 16h26, o principal índice acionário recuava 2,73% a 119.609 pontos, próximo à mínima do dia

12 maio 2021 - 16h47Por Investing.com

Por Leandro Manzoni, da Investing.com - O Ibovespa opera abaixo dos 120 mil pontos e o dólar ficou acima dos R$ 5,30, após a disparada dos juros de 10 anos do título público dos EUA - Treasuries - em meio a dados acima do previsto da inflação americana divulgados na manhã desta quarta-feira (12). A aversão ao risco é predominante nos mercados internacionais desde ontem, com os investidores temendo que uma aceleração inflacionária leve à uma política monetária mais dura do Fed.

Às 16h26, o principal índice acionário recuava 2,73% a 119.609 pontos, próximo à mínima do dia, com R$ 21,63 bilhões de volume negociado. O dólar também acentuou a alta, para R$ 5,3009, avanço de 1,55%, próximo à máxima do dia.

O recrudescimento do pessimismo vem após o juros de 10 anos das Treasuries se aproximar de 1,7%, atingindo 1,695%. Neste momento, o yield diminuiu a alta, sendo cotado a 1,683%, alta de 3,72%. Esse movimento afetou os índices americanos, que também renovaram as mínimas, com Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq recuando respectivamente 1,87%, 2,08% e 2,59%.

Inflação nos EUA

Os juros dos títulos de 10 anos reagem à inflação americana divulgada hoje, que veio acima da previsão dos economistas, o que pode levar o Federal Reserve a antecipar o ciclo de alta de juros, neste momento previsto para ser iniciado apenas em 2024.

A inflação americana medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) teve alta de 0,8% em abril, acima do consenso de 0,2% e da leitura anterior de 0,6%.

Na base anual, o indicador acumulou alta de 4,2%, acima das expectativas de 3,6% e da leitura de março de 2,6%.

Já os núcleos do IPC na base mensal e anual subiram 0,9% e 3%, respectivamente, contra consenso de 0,3% e 2,3%.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: