Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Bolsa

Ibovespa cai mais de 1% com recrudescimento de pandemia no exterior e petróleo

Às 16h27, o Ibovespa recuava 1,36% a 114.968 pontos, revertendo a alta do meio da sessão, quando chegou à máxima de 116.750 pontos

18 março 2021 - 16h31Por Investing.com

Por Leandro Manzoni, da Investing.com - O Ibovespa cedia mais de 1% e chegou a atingir a mínima abaixo dos 115 mil pontos na tarde desta quinta-feira na B3 (SA:B3SA3). O sentimento de aversão ao risco predomina nas principais bolsas globais, com avanço dos casos de Covid-19 na Europa.

Às 16h27, o Ibovespa recuava 1,36% a 114.968 pontos, revertendo a alta do meio da sessão, quando chegou à máxima de 116.750 pontos. O volume negociado era de R$ 18,67 bilhões até o momento.

A incerteza quanto à velocidade da recuperação econômica eleva os prêmios de risco nos ativos de riscos. O índice VIX, conhecido como “índice do medo”, apresentava uma alta de 14,77%. O pessimismo vinha com avanço dos casos de Covid-19 na Europa, com o governo francês cogitando fechar a capital Paris para diminuir o ritmo de transmissão.

Isso também refletia nos preços do petróleo, que apresentam um forte tombo no mercado internacional. O contrato futuro do petróleo WTI, negociado em Nova York, perdeu o suporte psicológico dos US$ 60 e despencava 8,53% a US$ 59,09 o barril. Enquanto o contrato futuro do Brent, referência mundial de preço e negociado em Londres, se afastava dos US$ 70 e caía 8,43% a US$ 62,28.

Influenciava o tombo no petróleo o aumento nos estoques de petróleo anunciado por um órgão do governo americano na véspera. O país registrou um aumento de 2,39 milhões barris de petróleo em estoque, a quinta semana seguida de alta.

Isso refletia no preço das ações petrolíferas no Ibovespa. Os papéis da PetroRio (SA:PRIO3) lideravam as perdas, com tombo de 7,92% a R$ 88,86. Os papéis preferenciais da Petrobras (SA:PETR4) tinham uma queda menor, cedendo 3,07% a R$ 23,34, enquanto as ações ordinárias (SA:PETR3) perdiam 2,62% a R$ 23,02.

Na ponta oposta, os papéis de bancos e empresas ligados ao setor financeiro lideravam as altas, refletindo a alta acima da expectativa da taxa Selic para 2,75% na quarta-feira. Os papéis do Santander Brasil (SA:SANB11) puxavam os ganhos, com alta de 3,39% a R$ 41,13.

Em Nova York, os principais índices de Wall Street também recuavam. Dow Jones tinha uma leve queda de 0,20%, enquanto o S&P 500 perdia 1,14% e a Nasdaq caía 2,58%.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: