Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Troca de comando

Guedes demite secretário de Fazenda após embates em torno do Orçamento, diz jornal

Mudanças atingem também Programa de Parcerias de Investimentos e comércio exterior

27 abril 2021 - 15h08Por Redação SpaceMoney

O ministro da Economia, Paulo Guedes, decidiu demitiu Waldery Rodrigues do cargo de secretário especial da Fazenda, após embates na sanção do Orçamento, segundo o O Estado de S. Paulo. Para seu lugar, o escolhido foi o atual secretário do Tesouro Nacional, Bruno Funchal, segundo apurou o Estadão/Broadcast. Na hierarquia do Ministério da Economia, o Tesouro Nacional é ligado à Secretaria Especial de Fazenda.

A saída de Waldery do cargo vem depois de uma série de embates em torno da sanção do Orçamento de 2021, que sofreu um veto de R$ 19,8 bilhões em despesas e um bloqueio adicional de R$ 9,3 bilhões.

A reportagem aponta que a área comandada por Rodrigues foi uma das mais ferrenhas defensoras do ajuste no Orçamento devido à maquiagem em despesas obrigatórias como benefícios previdenciários, visão contrária à do Congresso de que a peça poderia ser sancionada integralmente.

Segundo relatos feitos ao Estadão, Waldery queria ficar no cargo até junho, mas o Orçamento mostrou a necessidade de antecipar a mudança. A condução do processo pelo atual secretário foi muito criticada pela ala política, mas o trabalho de Waldery também costuma ser alvo de outras áreas dentro do Ministério da Economia, que reclamam que as decisões importantes "travam" na Fazenda.

Para o lugar de Funchal no Tesouro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, pode buscar um nome dentro da própria pasta.

Funchal assumiu o Tesouro em julho de 2020, após a saída de Mansueto Almeida. Antes, ele foi diretor de programa na própria Secretaria Especial de Fazenda.

 

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: