Menu
Busca quarta, 20 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Prévia

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta quinta-feira

Aqui está o que você precisa saber nesta quinta-feira, 29 de abril

29 abril 2021 - 09h22Por Investing.com

Por Geoffrey Smith e Ana Carolina Siedschlag, da Investing.com - CPI da Covid muda o foco do Congresso enquanto a pandemia ainda corre solta pelo país. As Big Techs dos EUA chegam fortes na temporada de balanços do primeiro trimestre.

O cobre se aproxima da marca histórica de US$ 10 mil a tonelada, enquanto o rendimento do Tesouro americano de 10 anos atinge uma máxima de duas semanas com o Federal Reserve afastando, mais uma vez, as preocupações sobre a inflação.

A leitura inicial do PIB americano de primeiro trimestre fica no radar, assim como os pedidos de seguro-desemprego semanais. Amazon (NASDAQ:AMZN) (SA:AMZO34), Twitter (NYSE:TWTR) (SA:TWTR34), McDonald's (SA:MCDC34) (NYSE:MCD) e Caterpillar (NYSE:CAT (SA:CATP34) divulgam balanços do primeiro trimestre.

1. CPI da Covid puxa o foco em meio a números altos da pandemia
Enquanto a pandemia ainda se alastra pelo país, o número de mortos pela Covid-19 segue perto de 3 mil ao dia e a produção e distribuição de vacinas segue dolorosamente lenta, o foco se volta para a CPI da Covid no Congresso, com governo e parlamentares correndo para produzir provas e relatórios para condenar todos os lados.

Segundo o jornal O Globo, citando informações de bastidores, o Palácio do Planalto aposta em ações contra governadores movidas pela Procuradoria-Geral da República (PGR), sob o comando do procurador-geral Augusto Aras, para abastecer a base governista na CPI.

O Brasil segue sendo citado no noticiário internacional, ao lado da Índia, como um potencial celeiro de variantes do vírus.

2. Grande trimestre para as Big Techs
As Big Techs americanas soltaram números impressionantes para o primeiro trimestre, com a Apple (SA:AAPL34) (NASDAQ:AAPL) e o Facebook (SA:FBOK34) (NASDAQ:FB) superando as expectativas com resultados após o fechamento na quarta-feira.

O lucro da Apple ficou 42% acima das expectativas, enquanto a receita avançou 16% em relação ao ano passado graças às vendas crescentes de dispositivos para trabalho e estudo remoto. A companhia alertou, no entanto, que a escassez de chips no mercado global deve afetar as vendas de iPads e Macs no trimestre atual. Enquanto isso, o Facebook seguiu a Alphabet (SA:GOGL34) (NASDAQ:GOOGL) e relatou um aumento na receita de publicidade graças a um inverno completo de lockdowns que manteve os anunciantes próximos aos canais digitais.

A fabricante de chips Qualcomm (SA:QCOM34) (NASDAQ:QCOM) também relatou uma perspectiva forte para o resto do ano, graças à forte demanda por celulares, seu principal segmento.

Hoje, a velha economia ocupa o centro do palco dos balanços: Caterpillar (SA:CATP34) (NYSE:CAT), Kraft Heinz (SA:KHCB34) (NASDAQ:KHC), Comcast (SA:CMCS34) (NASDAQ:CMCSA), Merck (NYSE:MRK) (SA:MRCK34), Hershey (NYSE:HSY) (SA:HSHY34), Northrop Grumman (NYSE: NOC), American Tower (NYSE:AMT ), S&P Global (SA:SPGI34) (NYSE:SPGI) e Thermo Fisher (NYSE:TMO). Amazon fecha a temporada de ganhos das Big Techs após o fechamento, junto com MasterCard (SA:MSCD34) (NYSE:MA) e Twitter (NYSE:TWTR) (SA:TWTR34).

3. PIB do 1T, pedidos por seguro-desemprego no radar
Os EUA publicam a primeira estimativa para o produto interno bruto do primeiro trimestre, com crescimento esperado de 6,1% anualizado e de 4,3% em relação ao quarto trimestre do ano passado. Um início de ano fraco devido a bloqueios generalizados fez com que a economia ganhasse ímpeto lentamente ao longo do trimestre.

Os dados semanais de pedidos de seguro-desemprego, que também saem às 9h30, devem mostrar poucas mudanças em relação à semana anterior, de 549.000 solicitações, enquanto os pedidos contínuos devem ter diminuído em cerca de 60.000.

4. Fed faz rendimento dos títulos e commodities subirem; cobre se aproxima de US$ 10 mil
O rendimento dos títulos do Tesouro de 10 anos atingiu o maior nível em mais de duas semanas, com o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell mandando para longe qualquer conversa sobre inflação durante a entrevista coletiva, apontando que os fatores por trás de um aumento de curto prazo nas taxas anuais são “transitórios”.

Powell enfatizou mais uma vez que, embora espere "condições econômicas mais normais" no final deste ano, "a economia está muito longe de nossos objetivos" e "é provável que leve algum tempo" antes de serem alcançados.

Os comentários dele vêm no contexto de preços crescentes para commodities industriais e agrícolas. Os futuros do cobre em Londres subiram para perto de US$ 10.000 por tonelada durante a noite, enquanto os futuros do níquel avançaram mais 1% para um máximo de 13 meses.

Os futuros dos índices de Wall Street também estão em alta. O Dow Jones Futuros, S&P 500 Futuros e Nasdaq Futuros subiam respectivamente 0,38%, 0,67% e 1,05% às 08h56. O EWZ, principal ETF brasileiro negociado no exterior, subia 4,56% no pré-mercado em Nova York.

5. Big Oil está de volta, pelo menos na Europa
As maiores petrolíferas da Europa voltaram às boas graças do mercado, com Royal Dutch Shell (SA:RDSA34) (LON:RDSa), Total (NYSE:TOT) e Equinor (NYSE:EQNR) relatando grandes aumentos no lucro do primeiro trimestre.

Para as três, o lucro voltou aos níveis anteriores à pandemia. A Total, entretanto, é a única que ainda está devolvendo dinheiro aos acionistas a taxas pré-pandêmicas. A Shell, que cortou seus dividendos pela primeira vez em 70 anos para economizar durante a pandemia, também disse ao Financial Times que não planeja nenhum novo aumento nos pagamentos este ano.

Os preços do petróleo subiram para o maior nível em sete semanas, apoiados por uma política monetária frouxa e um dólar mais barato, junto com uma recuperação contínua da demanda na maior parte do mundo, exceto na Índia. Às 8h58, os futuros do WTI subiam 1,46%, a US$ 64,78 o barril, enquanto o Brent avançava 1,5%, a US$ 67,78 o barril.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: