sábado, 04 de dezembro de 2021
IPC-C1

FGV: inflação para famílias de baixa renda sobe 0,82% em março

Segundo a fundação, cinco dos oito componentes que compõem o índice registraram alta em suas taxas de variação

06 abril 2021 - 13h58Por Redação SpaceMoney

O Índice de Preços ao Consumidor - Classe 1 (IPC-C1), que mede a variação de preços de uma cesta de produtos e serviços para famílias com renda entre 1 e 2,5 salários mínimos mensais, de março subiu 0,82% e acumula alta de 6,63% nos últimos 12 meses, informou hoje (6) a FGV (Fundação Getúlio Vargas) em nota.

Segundo a fundação, cinco dos oito componentes que compõem o índice registraram alta em suas taxas de variação. São eles: Transportes (2,18% para 3,52%), Habitação (0,17% para 0,80%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,09% para 0,52%), Comunicação (-0,12% para -0,01%) e Despesas Diversas (0,26% para 0,30%). 

Nestas classes de despesa, gasolina (6,98% para 10,90%), tarifa de eletricidade residencial (-0,78% para 0,61%), artigos de higiene e cuidado pessoal (-0,02% para 0,88%), mensalidade para internet (-0,87% para -0,25%) e cigarros (0,23% para 1,06%) foram os itens que tiveram destaques em seus comportamentos, segundo a FGV.

Os grupos que apresentaram recuo em suas taxas de variação são Leitura e Recreação (0,05% para -0,12%), Alimentação (-0,04% para -0,09%) e Vestuário (0,09% para 0,02%).

 

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content