Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Radar corporativo

CSN (CSNA3) e Usiminas (USIM5) lideram altas do Ibovespa; Bradesco (BBDC4) puxa quedas

Essas são as principais notícias corporativas do dia

05 julho 2021 - 10h40Por Investing.com

Por Ana Julia Mezzadri, da Investing.com - Em dia mais calmo devido a feriado nos EUA, CSN (SA:CSNA3), brMalls (SA:BRML3) e Usiminas (SA:USIM5) lideram as altas do Ibovespa, subindo entre 1% e 2%.

Na ponta oposta, Bradesco (SA:BBDC4), Qualicorp (SA:QUAL3) e Eletrobras (SA:ELET3) figuram entre as maiores baixas.

Essas são as principais notícias corporativas do dia:

Tegma (SA:TGMA3) - A Tegma informou que contratou assessor jurídico e que vai escolher um banco para auxiliar a empresa a avaliar a proposta de aquisição apresentada pela JSL (SA:JSLG3). O papel da Tegma tinha alta de 1,15%, a R$ 26,29.

Petrobras (SA:PETR4) - A plataforma de petróleo Carioca deixou o estaleiro Brasfels em Angra dos Reis em direção ao campo de Sépia, da Petrobras, no pré-sal da Bacia de Santos. A R$ 29,06, a ação caía 0,41%.

Banco BMG (SA:BMGB4) - O Banco BMG infromou a aquisição de participações na Araújo Fontes Consultoria e Negócios Imobiliários e na AF Invest Administração de Recursos por, aproximadamente, R$ 150 milhões, com o objetivo de ampliar a oferta de produtos e serviços no segmento de atacado e iniciar a área de gestão de recursos. O papel ganhava 1,27%, a R$ 4,78.

Vivo (SA:VIVT3) - A Telefônica Brasil informa a conclusão de acordos com a Caisse de dépôt et placement du Québec e com a Telefónica Infra para a construção, desenvolvimento e exploração de rede de fibra ótica neutra e independente de atacado no mercado brasileiro. Em baixa de 0,14%, a ação era negociada a R$ 41,90.

Grendene (SA:GRND3) - A Grendene fechou, com a 3G Radar Gestora de Recursos, uma joint venture no exterior com objetivo de distribuir e comercializar os produtos da Grendene em determinados mercados internacionais. A ação tinha alta de 1,6%, a R$ 10,77.

Minerva (SA:BEEF3) - A Minerva Foods informou que sua unidade de processamento de Araguaína, no Tocantins, teve sua classificação elevada para o nível mais alto da norma global de segurança de alimentos ARCGS Food. O papel ganhava 0,21%, a R$ 9,38.

Vale (SA:VALE3) - A Vale informou que iniciará a realização de atividades com equipamentos não tripulados para a remoção de rejeitos de barragens em Nova Lima e Barão de Cocais, em Minas Gerais. A R$ 113,72, a ação tinha alta de 0,12%.

Cemig (SA:CMIG4) - A Cemig pretende investir R$ 22,5 bilhões em geração, transmissão, distribuição, geração distribuída e comercialização de gás até 2025, de acordo com o presidente da companhia. O papel perdia 0,58%, a R$ 12,04.

- Com Reuters e Estadão Conteúdo.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: