sábado, 02 de julho de 2022
[IPE NECTON - SPACENOW DESKTOP]
Balanço trimestral

Crise hídrica preocupa mas Sanepar (SAPR11) mantém bons resultados, diz Ativa

Relatório alerta para os riscos regulatórios e hídricos, mas destaca que os fundamentos sólidos da empresa permanecem mesmo nos períodos mais desafiadores à sua atuação.

27 agosto 2021 - 14h45Por Investing.com
IPE - NECTON - BILBOARD TOPO 2 - ÚLTIMAS NOTÍCIAS E DEMAIS]

Por Ana Beatriz Bartolo, da Investing.com - A Ativa Investimentos manteve a sua recomendação de compra da Sanepar (SA:SAPR11), com preço-alvo de R$ 27,80, diante dos fortes resultados do 2T21. O relatório alerta para os riscos regulatórios e hídricos, mas destaca que os fundamentos sólidos da empresa permanecem mesmo nos períodos mais desafiadores à sua atuação.

A estabilidade nas receitas é causada pela resiliência do fluxo de caixa, já 90% das unidades da Sanepar atuam no segmento residencial. Com a redução das perdas, a empresa também consegue manter as suas margens elevadas.

Segundo a Ativa, se for considerada a cotação atual da Unit, a ação negociaria a um EV/RAB de 0,57x, quando historicamente ela tem uma média próxima a 0,63x. Isso reforça a recomendação de compra, uma vez que a cotação atual se encontra abaixo do esperado.

[NECTON IPE -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250]

Por outro lado, a crise hídrica é um dos motivos do desconto na ação e a incerteza relacionada ao Marco Regulatório cria uma assimetria acerca dos próximos passos da companhia.

A Sanepar está negociando renovações com importantes concessões no Paraná que vencem nos próximos anos e segue buscando novas oportunidades e nichos, como distribuição e produção d'água para fins industriais e/ou coleta de resíduos sólidos.

Atualmente, a Sanepar dispõe de 11 contratos vencidos, três que vencem em 2021, 51 que vencem até 2030 e 281 após 2030, sendo que 16,3% das receitas vencem até 2030. O maior município atendido pela companhia, Curitiba, tem contrato até 2048 e representa aproximadamente 1/5 da receita operacional bruta da Sanepar.

[OGF - VIP -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250 - TESTE A/B - 22-6-2022]

Municípios como Maringá e Arapongas se posicionam a favor da ruptura de seus contratos, sendo que Maringá é responsável por 5,3% da receita operacional bruta da empresa.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content