Menu
Busca quinta, 21 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Criptomoedas

Bitcoin encontra suporte em US$ 50.000, 'Hodl' de longo prazo parece intacto

Os fluxos líquidos de/para as exchanges de Bitcoins caíram para -1.250 clusters na quinta-feira, segundo dados da Glassnode

25 março 2021 - 19h04Por Investing.com

Por Yasin Ebrahim, da Investing.com - A queda do Bitcoin na quinta-feira (25) foi atribuída aos fundos de hedge que reequilibraram suas carteiras antes do final do trimestre, mas a liquidação encontrou suporte em US$ 50.000 em um momento em que os sinais apontando para a força do “hodl” de longo prazo atingiram um recorde anual.

O par BTC/USD caiu 6,27% para US$ 51.993.

Os fluxos líquidos de/para exchanges de Bitcoin - a diferença entre a quantidade de Bitcoin entrando e saindo das exchanges - caíram para uma mínima recorde no ano, sugerindo que a mudança das exchanges para carteiras privadas - um indicador de demanda de longo prazo - continua a acelerar.

Os fluxos líquidos de/para as exchanges de Bitcoins caíram para -1.250 clusters na quinta-feira, segundo dados da Glassnode.

Sinais que apontam para a força do 'hodl' de longo prazo surgem à medida que os gestores de hedge - que foram forçados a olhar para cantos mais arriscados do mercado, como criptomoedas e ações de alto crescimento, em busca de retornos - devem ter que ajustar suas alocações de portfólio antes do final do trimestre, descartando alguns de seus ativos mais arriscados.

Espera-se que o Bitcoin seja uma das vítimas do reequilíbrio das carteiras.

Dados também sugerem abalos em portfólios dos maiores detentores de Bitcoin, já que o índice de baleias de Bitcoin, que mede o número de endereços com pelo menos 1.000 Bitcoins, caiu 10% em relação ao recorde recente de 2.500 clusters.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: