Menu
Busca quinta, 21 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Ações

Amazon sobe após Morgan Stanley pintar cenário de alta com preço-alvo de US$ 6.000

A varejista on-line e provedora de serviços em nuvem atualmente negocia a cerca de 1,2 vezes o lucro de 2022

17 maio 2021 - 14h46Por Investing.com

Por Dhirendra Tripathi, da Investing.com - As ações da Amazon (NASDAQ:AMZN) (SA:AMZO34) subiam em um mercado fraco após o Morgan Stanley definir um novo preço-alvo para os papéis: US$ 6.000 até 2023.

De acordo com o StreetInsider, o analista do Morgan Stanley (NYSE:MS) Brian Nowak reiterou sua classificação de overweight para a Amazon com preço-alvo de US$ 4.500, enquanto defende o alvo de US$ 6.000 por ação.

A varejista on-line e provedora de serviços em nuvem atualmente negocia a cerca de 1,2 vezes o lucro de 2022, desconto de aproximadamente 30% em relação à média de seus pares de tecnologia.

Nowak acredita que com a lucratividade em escala da Amazon e dado seu desconto em relação ao grupo de pares, a ação garantiria um nível de US$ 4.500 a até 1,7 vezes P/L, de acordo com o StreetInsider. Mas isso pode não ser suficiente.

Fatores como um grande mercado endereçável nas linhas de negócios da Amazon, incluindo varejo, publicidade, logística, saúde, nuvem, direção autônoma e a crescente base de usuários de seu serviço Prime se combinam para possibilitar um preço-alvo ainda maior para as ações da empresa, acredita o analista, de acordo com StreetInsider.

"Esses fatores poderiam justificar um P/L mais alto, de ~ 2-2,5X, o que implicaria em um preço de ação de ~$ 5.000 a $ 6.000 nos próximos 12 meses", escreveu Nowak.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: