domingo, 26 de junho de 2022
[OGF - VIP - SPACENOW DESKTOP]
Finanças para jovensCOLUNA

Finanças para jovens

Larissa Brioso

Educadora Financeira na Mobills

Como se organizar financeiramente para as férias

Como outros objetivos, as férias desejadas precisam ser planejadas, visando tanto um melhor aproveitamento quanto um menor impacto no orçamento do mês

15 junho 2022 - 11h21
Como se organizar financeiramente para as férias

O período de férias é muito esperado, não somente por jovens e adolescentes durante o período escolar, mas também pelos adultos que merecem um descanso, em especial da jornada diária de trabalho.

Contudo, assim como outros objetivos, as férias desejadas precisam ser planejadas, visando tanto um melhor aproveitamento quanto um menor impacto no orçamento do mês. 

[OGF - VIP -  SQUARE DETALHE POST 300X 250]

Ficou interessado no assunto? Quer aprender como se organizar financeiramente para as férias? Confira, a seguir, as principais dicas:

Defina a quantidade de dias de férias

Por lei, o colaborador que trabalha sob o regime da CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), deve tirar 30 dias de férias a cada 1 ano de trabalho. Contudo, é possível fazer a divisão desse período em até 3 vezes, ou vender das férias.

[OGF - VIP -  SQUARE DETALHE POST 300X 250 - TESTE A/B - 22-6-2022]

Sendo assim, para conseguir se organizar da melhor forma, é preciso primeiro entender quantos dias deseja aproveitar. Nesse sentido, leve em conta que, algumas vezes, pode valer mais a pena tirar pequenas férias do que um período mais longo a cada ano.

Calcule o valor das férias a receber

Se você trabalha de carteira assinada, tem direito a férias remuneradas com acréscimo de do salário. Então, é importante considerar no planejamento o valor referente ao cálculo de férias.

Todavia, vale ressaltar que esse dinheiro a ser recebido deve ser considerado como um salário adiantado. Isso, porque você recebe a quantia de forma antecipada, poucos dias antes das férias, e tem esse valor deduzido do salário do mês seguinte.

Crie um objetivo de férias

Cada pessoa possui seu estilo de vida próprio, e desejos também. Logo, reflita sobre o que te faz feliz e te deixa relaxado, e que vai te ajudar a aproveitar as férias da melhor maneira.

Para alguns, viajar para conhecer novos lugares, pessoas e culturas, está em primeiro lugar na lista. Mas, você pode querer, por exemplo, fazer um tour pelos restaurantes da sua cidade, pular de paraquedas, se dedicar aos estudos, entre outros.

Entenda quanto suas férias irão custar

Agora que já sabe o que deseja fazer durante o seu período de descanso do trabalho, ou mesmo da rotina de estudos, veja quanto isso vai lhe custar. 

Faça pesquisas na internet para saber os valores, entre em contato com pessoas conhecidas que já fizeram o que deseja fazer, consulte um assistente de viagens caso tenha, e some os custos.

Inclua as férias no planejamento

O ideal é que tenhamos um planejamento financeiro para cada mês. Considerando a realização desse plano, é necessário contar com a poupança para as férias. Afinal, você não quer voltar do período de descanso endividado, concorda?

Portanto, analise suas despesas fixas, contas, outros gastos do dia a dia, e renda, para entender quanto deve poupar para as férias e saber se precisa reduzir gastos ou buscar novas fontes de renda para realizar o que deseja.

Poupe mensalmente

Com o planejamento feito, e entendido a sua capacidade de poupança, dedique-se a poupar mensalmente para as suas férias! Por mais que não consiga juntar todo o valor até a data, ter uma boa quantia adiantada para o pagamento de gastos vai evitar grandes choques financeiros no orçamento do mês de férias, bem como nos posteriores.

Como dito anteriormente, o salário do mês seguinte sofre um impacto devido ao período de férias. Desse modo, ele precisa ser levado em consideração para não ter surpresas. Além disso, nada melhor do que garantir que esse momento será apenas de lazer, e que não vai gerar dores de cabeça.

Aproveite as férias dentro do planejamento

Quando chegar o período de férias tão esperado, garanta que aproveitará o máximo possível dentro do planejamento realizado. Assim, não voltará preocupado com novas dívidas.

Saiba que imprevistos acontecem, e geralmente alguns gastos podem pesar mais do que o planejado. Contudo, buscar se manter dentro da organização, e fazer um controle financeiro periódico, ajuda a contornar essas situações e permite um melhor equilíbrio da vida financeira.

A opinião e as informações contidas neste artigo são responsabilidade do autor, não refletindo, necessariamente, a visão da SpaceMoney.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content