quinta, 09 de dezembro de 2021
Finanças para jovensCOLUNA

Finanças para jovens

Larissa Brioso

Educadora Financeira na Mobills

Cartão de crédito: confira 6 dicas para torná-lo um aliado e não um vilão!

Quando usado da maneira correta, o cartão de crédito pode trazer grandes benefícios por meio da facilidade de pagamento, programas de milhas e cashback

05 abril 2021 - 15h31
Cartão de crédito: confira 6 dicas para torná-lo um aliado e não um vilão!

Há quem diga que o cartão de crédito é o vilão das finanças pessoais. Entretanto, esse meio de pagamento nada mais é do que uma ferramenta, e ferramentas podem ser aproveitadas de diferentes formas por cada pessoa. De fato, quando mal utilizado, nos tornamos reféns das altas taxas de juros cobradas. Mas, quando usado da maneira correta, o mesmo pode trazer grandes benefícios por meio da facilidade de pagamento, programas de milhas, cashback etc. 

Por isso, antes de solicitar um cartão, ou mesmo aumento de limite, é interessante aprender como gerenciar os gastos com essa ferramenta bem como se prevenir para não perder o controle financeiro. Confira abaixo seis dicas que ensinam como utilizar da melhor forma seu cartão de crédito:

1. Evite ter muitos cartões

O controle financeiro é essencial para utilizar o cartão de crédito de forma mais saudável e é muito mais fácil controlar apenas um cartão do que três, por exemplo.
Além disso, também fica mais fácil evitar os gastos por impulso, visto que quando o limite de um cartão acaba não é possível gastar em outro, sem falar da economia com as taxas de anuidade. 

2. Gerencie seus gastos com o cartão

Quem sabe quanto e com o que se gasta consegue fazer um planejamento financeiro mais assertivo para conter gastos.
Portanto, é imprescindível que quem usa cartão de crédito tenha todas as despesas registradas, seja em uma planilha, em um caderno ou de forma mais prática, em um aplicativo de controle financeiro.

Assim, com o conhecimento dos gastos e faturas, você tem como tomar as atitudes necessárias para manter sua vida financeira em um bom caminho.

3. Não pague anuidade ou, pelo menos, negocie

Diluída em várias parcelas, há cartões que cobram anuidade de até R$ 1.500. Esse é um gasto que pode não ser tão percebido mas que pode ser evitado. Então, dê preferência às opções de cartão de crédito sem anuidade, como o cartão Méliuz com cashback, Santander SX, Banco Pan, Itaucard Click, cartão BMG sem anuidade, entre outros.

Mas, caso prefira manter um cartão de crédito que tem anuidade devido a outros benefícios, é possível negociar o valor diretamente com o banco. Clientes de longas datas e bons pagadores podem conseguir a isenção do valor.

4. Aproveite descontos e programas de vantagens

Vários cartões de crédito, até mesmo aqueles sem anuidade, oferecem benefícios que podem ser utilizados pelo consumidor, como desconto e programas de vantagens. Pontos acumulados a cada compra em alguns cartões podem ser trocados por milhas aéreas ou mesmo por produtos, como combustível, eletrodomésticos, bicicletas etc. Também tem como se beneficiar de descontos de até 50% em cinemas, teatros, jogos de futebol ou em compras feitas em redes de lojas parceiras.

De maneira simples, os pontos funcionam como um benefício extra para os cliente, porém tenha um orçamento bem definido para não acabar extrapolando nos gastos somente para acumular pontos.

5. Nunca pague apenas o valor mínimo ou atrase a fatura

As taxas de juros do cartão de crédito são uma das mais altas do mercado, com o Custo Efetivo Total (CET) rotativo de até 400% ao ano, sendo ainda superior em alguns casos.
Nesse sentido, deixar de pagar faturas ou realizar apenas o pagamento mínimo pode levar a um endividamento difícil de sair. Sendo assim, caso você não tenha como pagar uma fatura integralmente, considere solicitar um empréstimo pessoal para pagar esse débito, desde que as taxas sejam menores e compensem a alternativa.

Todavia, a melhor opção mesmo é sempre realizar um planejamento e ter noção do quanto pode ser gasto no cartão de crédito para evitar de não ter como pagar a fatura.

6. Evite parcelamentos extensos

Uma das maiores vantagens do cartão de crédito é a possibilidade de parcelar compras para que o valor de um bem possa ser pago em parcelas que pesam menos no bolso.
Mas, para utilizar desse recurso da melhor forma é importante evitar parcelamentos muito extensos, uma vez que para não perder o controle você precisa fazer um planejamento de longo prazo. Ou seja, o valor das parcelas a serem pagas devem constar no orçamento dos meses seguintes para evitar que dinheiro seja gasto antes do pagamento.

A opinião e as informações contidas neste artigo são responsabilidade do autor, não refletindo, necessariamente, a visão da SpaceMoney.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content