Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Radar Corporativo

Ibovespa tem manhã positiva; Multiplan (MULT3), Usiminas (USIM5) e Iguatemi (IGTA3) lideram altas

Confira as principais notícias corporativas do dia

08 outubro 2021 - 10h52Por Investing.com

Por Ana Beatriz Bartolo, da Investing.com - Com o mercado de bom humor, o Ibovespa avança 1,84%, aos 112.624 pontos às 10h32. Multiplan (SA:MULT3), Usiminas (SA:USIM5) e Iguatemi (SA:IGTA3) lideram as altas, enquanto GPA (SA:PCAR3), Banco Inter (SA:BIDI11) e BRF (SA:BRFS3) se destacam entre as poucas quedas da manhã.

Confira as principais notícias corporativas do dia.

Azul (SA:AZUL4) - O tráfego de passageiros consolidado (RPKs) da Azul cresceu 120,1% em setembro ante o mesmo período de 2020. A capacidade (ASKs), por sua vez, apresentou um salto de 122,3% na mesma base de comparação. A taxa de ocupação em relação a setembro de 2020 caiu 0,8 ponto porcentual, passando a 79,4%. Na comparação com setembro de 2019, antes da pandemia, houve recuos de, respectivamente, 10,6% e 6,2%, enquanto a taxa de ocupação caiu 3,9 pontos.

As ações avançam 2,66%, a R$ 36,30.

Méliuz (SA:CASH3) - Em parceria com a Captalys, o Méliuz passará a oferecer, a partir de 2022, um novo cartão com sua marca. Unindo as duas expertises, o Méliuz será o motor de crédito, aplicando sua inteligência e conhecimento do seu cliente ao negócio, enquanto a Captalys entra com a infraestrutura e o financiamento da operação.

Os ativos disparam 6,07%, a R$ 5,77.

Smartfit (SA:SMFT3) - A Smartfit contabilizou alta de 131% nas queixas registradas no site Reclame Aqui entre março e maio de 2020 em relação ao mesmo período do ano anterior. As reclamações haviam saltado de 2.452 para 5.683. Para tentar diminuir o problema, a rede de academias buscou a mediação, forma de resolver conflitos prevista na Justiça.

As ações sobem 1,55%, a R$ 24,86.

Ecorodovias (SA:ECOR3) - O volume de tráfego consolidado nas rodovias administradas pela EcoRodovias subiu 10,7% em setembro na comparação com o mesmo período de 2020. Levando em conta somente o total comparável, excluindo a Ecovias do Cerrado, o movimento foi de 32.154 automóveis, avanço de 2,1% na base anual.

Os papéis disparam 4,98%, a R$ 9,28.

Vale (SA:VALE3) - A Vale informou nesta quinta-feira (6) que uma decisão judicial determinou o retorno imediato das atividades de mineração de Onça Puma, no Pará, que haviam sido paralisadas após a suspensão da licença de operação pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade.

A empresa também disse que conseguiu fechar acordos de indenização com familiares de todos os trabalhadores, próprios ou terceirizados, vítimas do desastre com uma barragem de rejeitos de minério de ferro em Brumadinho (MG), com os valores envolvidos somando R$ 1,1 bilhão.

Os ativos sobem 2%, a R$ 80,95.

Brasilagro (SA:AGRO3) - A Brasilagro vendeu da Fazenda Alto Taquari, em Mato Grosso, por R$ 589 milhões. A propriedade de 3.723 hectares, sendo 2.694 hectares úteis, foi vendida por um preço 65% superior à avaliação da própria empresa, divulgada no último balanço, em agosto, informou a companhia em fato relevante.

As ações disparam 5,04%, a R$ 32,72.

Ambev (SA:ABEV3) - A fabricante de bebidas Ambev (SA:ABEV3) anunciou nesta quinta-feira a compra de 150 caminhões elétricos da fabricante chinesa JAC Motors.

Os ativos sobem 1%, a R$ 15,35.

JBS (SA:JBSS3) - Cerca de um terço do gado comprado pela JBS entre janeiro de 2018 e junho de 2019 teria vindo de áreas com problemas de desmatamento ou outras inconformidades, de acordo com os resultados de uma auditora de 2020 do Ministério Público Federal do Pará. Isto representa mais de três vezes o índice de tolerância de 9,95% estipulado pelo MPF-PA para a auditoria de 2020.

Os papéis avançam 0,76%, a R$ 36,98.

Corsan - A Corsan contratou o Morgan Stanley (NYSE:MS) para coordenar o seu IPO, apurou o Pipeline do Valor Econômico, e ainda está fechando os outros bancos que vão compor o sindicato.

Hapvida (SA:HAPV3) - A Hapvida aprovou a realização da 2ª emissão de debêntures simples no valor de R$ 2 bilhões, para distribuição pública com esforços restritos de colocação.

As ações sobem 1,44%, a R$ 12,68.

Grendene (SA:GRND3) - A Grendene e gestora de recursos 3G Radar oficializaram a criação de uma empresa dedicada à distribuição e à comercialização dos calçados da dona da Ipanema, Melissa e Rider em mercados internacionais. Juntas, as sócias vão investir US$ 100 milhões na nova companhia, batizada de Grendene Global Brands, segundo o Valor Econômico.

Os ativos disparam 4,47%, a R$ 8,89.

Mercadolibre (SA:MELI34)- O Mercado Livre (NASDAQ:MELI) será o e-commerce oficial das edições de 2021, online, e de 2022, presencial da CCXP (Comic Con Experience). O evento de cultura pop costuma atrair 300 mil visitantes por edição.

Os papéis se valorizam 0,99%, a R$ 71,58

Klabin (SA:KLBN11) - A Klabin anunciou nesta quinta-feira (7) que contratou uma linha de crédito rotativo no valor de US$ 500 milhões, com vencimento em outubro de 2026, ligada a metas de sustentabilidade, de acordo com o Valor Econômico.

As ações sobem 0,53%, a R$ 22,65.

Lojas Renner (SA:LREN3) - A Lojas Renner acaba de finalizar a construção de um novo centro de distribuição na cidade paulista de Cabreúva. O investimento de R$ 1,2 bilhão, que estará em operação no ano que vem, tem o objetivo de acelerar o negócio online da varejista de moda, especialmente do marketplace, segundo o Estado de S. Paulo.

Os ativos avançam 3,44%, a R$ 34,93.

Camil (SA:CAML3) - A Camil obteve lucro líquido de R$ 106,5 milhões no segundo trimestre fiscal de 2021, encerrado em agosto, informou a empresa nesta quinta-feira (7). O resultado representa queda de 23,2% ante igual período do ano passado, quando a companhia registrou lucro de R$ 138,6 milhões.

Os papéis recuam 0,83%, a R$9,51

JHSF (SA:JHSF3) - A JHSF aprovou o pagamento de dividendos no valor total de R$ 125 milhões no montante de R$ 0,1834719203 por ação (ON), excluindo do cálculo as ações em tesouraria.O valor aqui declarado será imputado ao dividendo mínimo obrigatório do exercício social que se encerrará em 31 de dezembro de 2021. Estes dividendos terão como base acionária para pagamento a data de 14 de outubro de 2021, sendo que as ações da Companhia serão negociadas “ex-dividendos” a partir de 15 de outubro de 2021. Os acionistas terão seus créditos disponíveis a partir de 25 de outubro de 2021.

As ações sobem 2,53%, a R$ 5,68.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: