Menu
Busca domingo, 17 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Bolsa de valores

Ford (NYSE:F) e GM (NYSE:GM) caem com cortes de produção para resolver a escassez de chips

No Brasil, os BDRs da Ford caíam 0,7% e os da GM, 0,2%

03 setembro 2021 - 13h20Por Investing.com

Por Dhirendra Tripathi, da Investing.com - As ações da Ford (NYSE:F) e da General Motors (NYSE:GM) eram negociadas em baixa de 1% e 0,5%, respectivamente, às 13h05 (horário de Brasília) de sexta-feira (3) após a decisão das companhias de cortar a produção, pois a escassez de chips continua a causar o caos em suas metas.

No Brasil, os BDRs da Ford (SA:FDMO34) caíam 0,7% e os da GM (SA:GMCO34), 0,2%.

Na quinta-feira (2), a GM disse que está aumentando a ociedade de suas duas maiores fábricas de pickups, em Silao, México, e em Indiana. A produção em três outras fábricas também está sendo suspensa por algumas semanas. A decisão afetará a produção das pickups GMC Sierra, Chevrolet Silverado e Chevy Traverse.

A Ford deixará de produzir pickups em sua unidade de Kansas City durante as próximas duas semanas. Os turnos serão reduzidos em duas fábricas de caminhões em Michigan e Kentucky.

Os anúncios ilustram como a escassez de chips atingiu um nível em que os fabricantes de automóveis são forçados a cortar a produção mesmo dos seus modelos mais rentáveis. No início do ano, eles haviam enfatizado que conseguiriam continuar a produzir SUVs e pick-ups sem muitos transtornos.

A crise tem se intensificado à medida que intermináveis ondas da pandemia atingem os mercados asiáticos, onde a maior parte da fabricação está localizada.

Os fabricantes de automóveis tiveram que competir por chips com fabricantes de dispositivos e eletrodomésticos, que abocanharam uma maior fatia dos gastos dos consumidores num mundo em lockdown.

A escassez afetou mais do que apenas fabricantes de automóveis dos EUA. A Toyota (NYSE:TM) (SA:TMCO34) e a Volkswagen (DE:VOWG), as duas maiores fabricantes de automóveis do mundo, também reduziram a produção.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: