Menu
Busca sábado, 23 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Repercussão

Ações de varejo despencam após divulgação de dados do setor em agosto

Segundo a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), com ajuste sazonal, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o varejo ampliado recuou 3,1% no mês passado em relação a julho

06 outubro 2021 - 12h35Por Investing.com

Por Ana Beatriz Bartolo, da Investing.com - As ações de varejo caem com força após a divulgação dos dados de varejo de agosto. Segundo a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), com ajuste sazonal do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o varejo ampliado recuou 3,1% no mês passado em relação a julho. Na comparação anual, a queda foi de 4,1%.

Étore Sanchez, economista-chefe da Ativa Investimentos, disse que é difícil entender o resultado. “O fato é que a queda foi espraiada por diversos setores, sejam associados à renda ou ao crédito, o que dificulta a atribuição do péssimo resultado a um único fator. Muito se fala em antecipação de consumo e contração na renda, mas nada disso teve um colapso ao longo do mês de agosto que justifique o movimento”, disse o especialista.

Às 12h18, as ações do Grupo Soma (SA:SOMA3) recuavam 3,85%, a R$ 15,48, as das Lojas Americanas (SA:LAME4) caíam 3,83%, a R$ 4,52, as das Lojas Renner (SA:LREN3) perdiam 3,36%, a R$ 33,08, enquanto Magazine Luiza (SA:MGLU3) e Via (SA:VIIA3) se desvalorizavam 1,61%, a R$ 13,46, e 3,44%, a R$ 7,58, respectivamente.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: