terça, 17 de maio de 2022
Recomendações

Genial reitera indicação de compra para Petz (PETZ3), com potencial de valorização de 61,02%

No mês, os papéis da companhia já subiram 10% e analistas veem alto potencial de sinergias com a compra da Petix, líder na fabricação de tapetes higiênicos no Brasil

27 janeiro 2022 - 12h20Por Redação SpaceMoney
PetzPetz - Crédito: Petz/Divulgação

A Genial Investimentos reiterou sua recomendação de compra para a Petz (PETZ3) em relatório publicado nesta quinta-feira (27), no preço-alvo de R$ 29,00 - um potencial de valorização de 61,02%.

Na véspera, a companhia encerrou o pregão com as ações cotadas a R$ 18,01 cada, um avanço de 7,33%. As ações chegaram a se valorizar em 11,5%, a R$ 19,00 na máxima do dia.

No mês, o papel tem alta de 10,02%.

Marcou a sessão a notícia de que a empresa confirmou a compra da Petix, líder na fabricação de tapetes higiênicos no Brasil.

Analistas da Genial Investimentos veem alto potencial de sinergias e a adição de uma marca que tem muito a agregar para o ecossistema da Petz. 

O enterprise value (Valor total da empresa: valor de mercado + dívidas – caixa) da Petiz foi avaliado em R$ 70 milhões, a serem pagos da seguinte forma:

- 50% em ações (R$ 35 milhões em ações);
- 50% em caixa, sendo R$ 25 milhões pagos no fechamento da transação, e R$ 10 milhões pagos no modelo Earn-out, o que significa que a quantia será paga ao longo dos próximos 3 anos, sob condições de atingimento de metas específicas estabelecidas pela Petz;

O múltiplo de aquisição da empresa foi de 0,5x EV/Sales (Valor da empresa/vendas).

A Genial Investimentos acredita que a Petz pagou barato na aquisição, considerado o seu múltiplo EV/Sales para 2021E de 4,8x, versus o de 0,5x da Petix.

Além disso, a Petix tem 47% de market share na categoria de tapetes higiênicos no Brasil e espera faturar R$ 135 milhões em 2021, o que implica em um CAGR (crescimento médio anual) de 2019 – 2021 de 29,0%.

Sinergias e pontos positivos, segundo a Genial Investimentos:

  • Expansão do ecossistema: a Petz acaba de ganhar liderança em mais uma subcategoria do mercado de pet care no Brasil, agregando para a sua meta de se tornar “um ecossistema de pet mundialmente reconhecido até 2025” – palavras do CEO, Sérgio Zimerman.

  • Mercado rentável e de alto crescimento: a penetração ainda é baixa (apenas 10% nas capitais) e a empresa espera que o mercado cresça cerca de 400% nos próximos 5 anos.

  • Sinergias com Zee.Dog: enxergamos uma oportunidade da Petz alavancar a posição de liderança da Petix para lançar novos produtos para a Zee.Dog (que a Petz comprou em agosto do ano passado), que tem maior alcance do que a Petix e já possui um portfólio com produtos similar.

  • Ganhos de margens: produção no Brasil evita importações de insumos para produzir produtos de alta tecnologia, o que evita altos custos de frete e custo do câmbio. Além disso, a Petix pode agregar para os produtos private label da Petz, o que também significa ganhos de margem.

  • Exposição internacional: a Petix já tem presença nos EUA e exportam para Colombia, Chile, Urugual, Bolívia e Portugal. No momento o foco é expansão na América do Sul, e apesar de não ser o foco atual a empresa já enxerga oportunidade de aumentar sua presença no mercado europeu.

  • Os fundadores da Petix, Rogério Haddad e Luiz Fernando Reis Lourenço, permanecerão na companhia depois que a aquisição for concretizada. O trabalho feito até hoje na Petix é de muito sucesso e ambos os empresários com mais de 15 anos de experiência no mercado pets.

Por volta das 12:03 desta quinta-feira (27), as ações PETZ3 caíam 1,28%, a R$ 17,78.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content