Menu
Busca domingo, 17 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Minério de ferro

Futuros do minério de ferro registram perdas de 2,21% na bolsa chinesa de Dalian

22 junho 2020 - 08h58Por Investing.com
Por Gabriel Codas Investing.com - A jornada que abriu a semana foi marcada por uma importante queda nos preços dos contratos futuros do minério de ferro, que são negociados na bolsa de mercadorias da cidade de Dalian, na China. O ativo com o maior volume de operações, com vencimento para o mês de setembro deste ano, as perdas foram de 2,21% para 753,50 iuanes por tonelada, o que representa recuo de 17,00 iuanes em relação aos 770,50 iuanes de liquidação anterior. Apesar de negativa, a sessão desta segunda-feira teve como principal característica a cotação praticamente estável dos papéis futuros do vergalhão de aço, que são transacionados na também chinesa bolsa de mercadorias da cidade de Xangai. O contrato com mais liquidez, e data de entrega para outubro de 2020, perdeu 9 iuanes para 3.620 iuanes por tonelada. Já o de janeiro, segundo mais procurado, somou 3 iuanes para 3.484 iuanes para cada tonelada. O índice de startups da China atingiu a máxima mais de quatro anos nesta segunda-feira, uma vez que os investidores comemoraram as novas reformas de Pequim nos mercados de capital para ajudar a impulsionar a economia. A China manteve sua taxa de empréstimo referencial pelo segundo mês seguido nesta segunda-feira, em linha com as expectativas, depois de o banco central ter deixado os custos sobre empréstimos de médio prazo inalterados na semana passada. A taxa primária de empréstimo de um ano (LPR) CNYLPR1Y=CFXS permaneceu 3,85%, enquanto a LPR de cinco anos CNYLPR5Y=CFXS foi mantida em 4,65%. As movimentações na LPR afetam os preços que os credores cobram de empresas e famílias para empréstimos, e a taxa de cinco anos influencia as hipotecas. *Com Reuters
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: