Menu
Busca quarta, 20 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile

Destaques: reunião do Fed e avanço nas vacinas

28 julho 2020 - 09h12Por Investing.com

Por Geoffrey Smith - Investing.com - Os republicanos do Senado propõem um pacote de US$ 1 trilhão em medidas de apoio econômico que também prevê redução do valor do subsídio de desemprego em dois terços a partir de outubro. Está chovendo balanços, com divulgações do setor farmacêutico e de varejo, bem como pela fabricante de chips Advanced Micro Devices. 

Indicadores econômicos dos EUA serão apresentados, como preços de casas e o sentimento do consumidor. E o Banco Central Europeu disse aos bancos da zona do euro para não pagar dividendos pelo resto do ano, alertando-os de que precisam fortalecer seus balanços patrimoniais contra uma onda iminente de falências e inadimplência. 

Aqui está o que você precisa saber nos mercados financeiros na terça-feira, 28 de julho.

1. Republicanos apresentam planos de estímulo

Os republicanos do Senado divulgaram um pacote de apoio econômico no valor estimado de US$ 1 trilhão que reduziria o subsídio federal para seguro-desemprego em dois terços a partir do final de setembro. Posteriormente, os pagamentos seriam combinados com benefícios estatais para substituir 70% dos salários perdidos.

O pacote reflete as preocupações republicanas de que os atuais cheques semanais de US$ 600 desincentivam os norte-americanos a voltar ao trabalho (e também custam muito dinheiro - cerca de US$ 15 bilhões por semana).

Políticos do Partido Democrata, que controlam a Câmara dos Deputados, criticaram a medida por remover um apoio vital a mais de 16 milhões de pessoas que atualmente recebem benefícios de seguro-desemprego.

As duas partes têm até o final da semana para fechar um acordo. Um projeto de lei na Câmara aprovou um pacote de medidas muito maior, de US$ 3,5 trilhões, incluindo US$ 900 bilhões em apoio a governos estaduais e municipais que faltam no pacote republicano.

2. Reunião do Fed começa; dados de sentimento do consumidor são esperados

A reunião de dois dias do Comitê Federal de Mercado Aberto ((Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve começa, mas os resultados não serão divulgados até quarta-feira. A retórica antes da reunião elevou as expectativas de que o Fed poderia oferecer orientações mais claras sobre a intenção de flexibilizar ainda mais a política monetária no futuro, embora não sejam esperadas novas ações na reunião desta semana.

Enquanto isso, houve dados de preços da habitação da S&P/Case Shiller às 8h (horário de Brasília), e o índice de confiança do consumidor do Conference Board e a pesquisa regional de negócios do Fed de Richmond são esperados às 9h.

Os dados fora da Europa divulgados mais cedo foram marginalmente melhores do que o esperado, com os números de desempregados da Espanha subindo menos do que o temido e uma recuperação mais acentuada do que o esperado na pesquisa de varejo do Reino Unido.

euro manteve a maior parte de seus ganhos recentes a US$ 1,1727.

3. Ações devem abrir em baixa com publicação de balanços

Não pisque ou você irá perder. Está chovendo balanços nesta terça-feira, com publicações de resultados de Visa (NYSE:V), McDonald’s (NYSE:MCD), Pfizer (NYSE:PFE), Amgen (NASDAQ:AMGN), Raytheon (NYSE:RTX), Starbucks (NASDAQ:SBUX), Mondelez (NASDAQ:MDLZ), Altria (NYSE:MO), eBay (NASDAQ:EBAY) e Advanced Micro Devices  (NASDAQ:AMD) - para citar apenas alguns.

A maioria correrá após o fechamento, mas o McDonald's e a Pfizer divulgarão seus números mais cedo.

Os balanços chegarão em um mercado de ações que luta por direção, com muitos CEOs demonstrando dúvidas sobre a sustentabilidade da recuperação em suas teleconferências de divulgação de resultados.

Às 8h37 (horário de Brasília), o contrato futuro do Dow perdia 167 pontos, ou 0,6%, enquanto o contrato futuro do S&P 500 caía 0,5% e o contrato futuro do Nasdaq 100 tinha baixa de 0,6%

4. Moderna e Pfizer iniciam estágio 3 de testes de vacinas

A Moderna (NASDAQ:MRNA) anunciou o início da terceira e última etapa dos ensaios para a sua vacina para o vírus da Covid-19.

A Pfizer e sua parceira alemã, a BioNTech Se (NASDAQ:BNTX), listada na Nasdaq, também disseram que iniciariam um estudo híbrido estágio 2/estágio 3 para sua vacina.

O rápido progresso no desenvolvimento de vacinas - embora não garanta sucesso final - ocorre no momento em que o número de novas infecções em todo o mundo está atingindo um nível recorde. A taxa de novas infecções nos EUA parece ter diminuído um pouco em resposta a um aperto nos bloqueios no sul e no oeste do país, com o número de novos casos caindo para 56.336 na segunda-feira, depois de alcançar mais de 60.000 na semana passada.

A Alemanha também destacou um aumento nos casos na maior economia da Europa, vinculada pelo governo a uma perda de disciplina na observação das regras de distanciamento social.

5. BCE alerta bancos contra dividendos

O Banco Central Europeu disse aos bancos da zona do euro que não paguem dividendos pelo resto do ano, mas que acumulem caixa para fortalecer suas defesas contra uma onda esperada de falências.

Ao mesmo tempo, o BCE disse que não restringiria os padrões de supervisão em liquidez e capital até o final de 2022, o mais cedo possível, sinalizando sua determinação de não transformar uma esperada crise econômica em financeira.

As ações dos bancos da zona do euro subiram em média 0,6%, com os maiores aumentos observados na Espanha, cujos bancos podem precisar de mais alívio do capital do que a maioria, dado o risco ao seu grande setor turístico devido ao recente aumento nos casos de Covid-19.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: