segunda, 06 de dezembro de 2021
Amazon Pharmacy

Amazon Pharmacy causa queda de farmácias rivais

17 novembro 2020 - 14h29Por Investing.com

Por Christiana Sciaudone, da Investing.com - A Amazon (NASDAQ:AMZN); (SA:AMZO34) causou arrepios em todo o mundo da saúde após anunciar um negócio de farmácia.

A Amazon Pharmacy irá permitir preencher prescrições e receber medicamentos como faria com qualquer pedido. Para aqueles sem plano de saúde, a empresa oferecerá benefícios de economia para membros Prime de até 80% de desconto em medicamentos genéricos e 40% de desconto em medicamentos de marca.

As farmácias CVS Health Corp (NYSE:CVS); (SA:CVSH34), Walgreens Boots Alliance Inc (NASDAQ:WBA), Rite Aid (NYSE:RAD) e GoodRx (NASDAQ:GDRX) caíram depois das notícias, com as duas últimas caindo cerca de 15%.

Usando um perfil seguro, os clientes da Amazon podem adicionar informações de plano de saúde, gerenciar prescrições e escolher as opções de pagamento antes de finalizar a compra. Os membros Prime também obtêm descontos em mais de 50.000 outras farmácias participantes em todo o país.

“Trabalhamos muito nos bastidores para lidar com as complicações de forma contínua para que qualquer pessoa que precise de uma receita possa entender suas opções, fazer seu pedido pelo menor preço disponível e ter seu medicamento entregue rapidamente”, disse TJ Parker, vice-presidente da Amazon Pharmacy.

A Amazon opera o PillPack há seis anos. O serviço fornece medicamentos para pessoas com condições crônicas de saúde.

A Goodrx Holdings Inc (NASDAQ:GDRX), que se tornou pública em setembro, oferece serviços de telemedicina, rastreia preços de medicamentos prescritos e oferece cupons para descontos em medicamentos. As ações saltaram 50% no primeiro dia de negociação, ante o preço de abertura de US$ 33. As ações subiram 16% desde que a empresa abriu o capital.

Veja os fatores que influenciam os mercados hoje

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content