sábado, 27 de novembro de 2021
Ibovespa

ABERTURA: Exterior positivo puxa alta do Ibovespa Futuro nesta terça-feira

18 junho 2019 - 10h08Por Investing.com
Depois de encerrar a abertura da semana com leve queda, o índice futuro do Ibovespa abre o dia com valorização de 0,87% aos 99.390 pontos às 09:08, em dia que se mostra positivo para os mercados da Europa e também para os índices futuros de Wall Street. O dólar inicia a sessão em baixa de 0,38% a R$ 3,8736. Por aqui o cenário segue com as expectativas voltadas para os avanços na tramitação da reforma da Previdência, que teve na segunda-feira o prazo cumprido para o início das discussões na comissão especial, o que deve acontecer já na sessão de hoje. O IGP-M acelerou a alta a 0,75% na segunda prévia de junho, de 0,58% no mesmo período do mês anterior, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta terça-feira. O IGP-M é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de aluguel de imóveis. O Banco Central Europeu precisará afrouxar a política monetária de novo, possivelmente através de novos cortes de juros ou compras de ativos, se a inflação não voltar para a sua meta, afirmou nesta terça-feira o presidente do BCE, Mario Draghi. “Na ausência de melhora, como se o retorno da inflação ao nosso objetivo estiver ameaçado, estímulo adicional será necessário”, disse Draghi em conferência anual do BCE em Sintra, Portugal. A inflação na zona do euro desacelerou a 1,2% em maio sobre o ano anterior, taxa mais baixa em mais de um ano, uma vez que o aumento dos preços de energia e serviços enfraqueceu, informou nesta terça-feira a agência de estatísticas da União Europeia, confirmando seu dado preliminar. O mercado segue na expectativa da reunião do Federal Reserve, que tem enfrentado novas exigências do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para cortar os juros. A expectativa é que deixe os juros inalterados, mas que possivelmente abra caminho para um corte neste ano. Existe uma contínua melhora no apetite por risco conforme o afrouxamento em políticas monetárias globais é confirmado, disseram em relatório analistas do CITIC Securities. Bolsas Internacionais Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,72%, a 20.972 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 1,00%, a 27.498 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,09%, a 2.890 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,35%, a 3.667 pontos. A jornada desta terça-feira se mostra positiva para a maior parte dos mercados de ações da Europa. Em Frankfurt, o DAX soma 1,23% ais 12.231 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE ganha 0,83% aos 7.419 pontos. Já em Paris, o CAC avança 1,41% aos 5.466 pontos. Commodities A jornada desta terça-feira na bolsa de mercadorias da cidade de Dalian, na China, foi marcada pela recuperação do preço dos contratos futuros do minério de ferro, após a expressiva queda da véspera. O ativo de maior volume de negócios, com vencimento para o mês de setembro, registrou ganhos de 2,08% para 786,00 iuanes por tonelada, o que representa ganho diário de 16,00 iuanes. No caso do vergalhão de aço, que tem seus papéis transacionados na também chinesa bolsa de mercadorias de Xangai, a sessão foi também positiva para os principais ativos. O contrato de maior liquidez, com entrega para outubro de 2019, somou 10 iuanes para 3.732 iuanes por tonelada do produto. Já o de janeiro do próximo calendário, segundo mais negociado, somou 3 iuanes para 3.386 iuanes por tonelada. Já no caso do petróleo, o dia é de leve baixa para o produto nas principais praças de negociação. Em Nova York, o barril do tipo WTI cai 0,31%, ou US$ 0,16, a US$ 52,01. Já em Londres, o Brent perde 0,48%, ou US$ 0,29, a US$ 60,65. Mercado Corporativo Embraer A Embraer (EMBR3) divulgou nesta terça-feira que assinou contrato com a japonesa Fuji Dream Airlines (FDA) para dois jatos E175, no valor estimado de 97,2 milhões de dólares, com base em preços de lista de 2019. O anúncio da assinatura do contrato ocorreu na 53ª edição do Paris Air Show International, de acordo com comunicado ao mercado da fabricante brasileira de aviões, que acrescenta que o pedido já estava incluído na carteira de pedidos (backlog) da Embraer do primeiro trimestre como “cliente não divulgado”. Vestas A fabricante dinamarquesa de equipamentos eólicos Vestas fechou mais um contrato no Brasil, para fornecer 445 megawatts em turbinas a parques eólicos que serão construídos pela desenvolvedora de projetos Casa dos Ventos no Rio Grande do Norte. Com o contrato, que envolve instalação e comissionamento das máquinas, além de operação e manutenção por prazo de 20 anos, a Vestas alcança um total de mais de 1,5 gigawatt em vendas no Brasil de seu novo modelo V150-4.2MW. O negócio ainda é o maior já fechado pela fornecedora no país. Odebrecht Cerca de três anos após ter sido atingida pelos efeitos de uma profunda recessão no Brasil e das investigações da operação Lava Jato, a Odebrecht formalizou nesta segunda-feira seu pedido de recuperação judicial, com dívidas de 65,5 bilhões de reais, um dos maiores processos do tipo na história no país. O pedido, apresentado à Justiça de São Paulo, ocorreu quase três semanas após a Atvos, braço de agronegócio, ter sido a primeira a unidade do grupo a pedir recuperação judicial. O pedido apresentado à Justiça nesta segunda-feira exclui, além da própria Atvos, a Braskem (BRKM5), a empreiteira OEC, a Ocyan, a incorporadora OR, a Odebrecht Transport e o estaleiro Enseada. Em comunicado, a companhia informou que o processo envolve 51 bilhões de reais de dívidas concursais, ou seja, passíveis de reestruturação. Outros 14,5 bilhões de reais são compostos sobretudo por dívidas lastreadas em ações da Braskem e não passíveis de reestruturação. O montante também exclui dívidas cruzadas entre as unidades do grupo, de cerca de 30 bilhões. O processo envolve as controladoras da Odebrecht, Kiepe e Odbinv. Vale A mineradora Vale (VALE3) suspendeu nesta segunda-feira as atividades de processamento de níquel da usina Onça Puma, no Pará, após decisão judicial, informou a mineradora em fato relevante ao mercado, pontuando que irá recorrer. Na sexta-feira, o Ministério Público Federal informou em nota que a Justiça havia dobrado multa aplicada sobre a Vale após a constatação de que a empresa havia descumprido ordem para cessar todas as atividades na mineradora Onça Puma, que extrai e beneficia níquel no sudeste do Pará. Segundo o MPF, o desembargador federal Antonio Souza Prudente determinou no último dia 7 que a multa pela desobediência da Vale aumentasse de 100 mil para 200 mil reais por cada dia em que a mineradora continue funcionando. Bagagem gratuita em viagens aéreas O presidente Jair Bolsonaro decidiu vetar integralmente a franquia gratuita de bagagem na medida provisória aprovada pelo Congresso Nacional que acaba com o limite de capital externo nas companhias aéreas brasileiras, informou a Secretaria de Imprensa da Presidência. Segundo o Palácio do Planalto, o veto se deu por razões “de interesse público e violação ao devido processo legislativo”. Na sexta-feira, em café da manhã com jornalistas, o presidente chegou a cogitar em entrevista editar uma medida provisória específica para garantir a cobrança de bagagem apenas para empresas de baixo custo (low cost) que operam no país. Debêntures incentivadas para Óleo & Gás O governo brasileiro permitirá que empresas dos setores de petróleo, gás natural e biocombustíveis levantem capital para investimentos através da emissão de debêntures incentivadas, informou nesta segunda-feira o Ministério de Minas e Energia. Uma portaria que regulamenta o processo de enquadramento de projetos prioritários dos setores foi assinada nesta segunda-feira pelo ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e por outras autoridades governamentais durante o Ethanol Summit, em São Paulo. A medida inclui a indústria sucroalcooleira nas áreas prioritárias, que poderá passar a fazer uso desse tipo de emissão de dívida, que permite que as empresas captem recursos com isenção de impostos aos investidores. BNDES O atual secretário-adjunto de Desestatização do Ministério da Economia, Gustavo Henrique Moreira Montezano, será o novo presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), informou o Ministério da Economia em nota nesta segunda-feira. “O Ministério da Economia informa o encaminhamento para a deliberação do Conselho de Administração do BNDES do nome de Gustavo Montezano, atual secretário-adjunto da Secretaria de Desestatização e Desinvestimento, para presidir a instituição”, afirmou a nota. Agenda de Autoridades O presidente Jair Bolsonaro inicia a terça-feira participando da cerimônia de hasteamento da bandeira nacional, se reunindo em seguida com o Conselho de Governo. Ainda pela manhã, estará presente também no lançamento do Plano Safra 2019/2020, se encontrando em seguida com o deputado Marco Feliciano (PODE-SP). Na parte da tarde, Bolsonaro se reúne com Deputada Joice Hasselmann (PSL/SP), Líder do Governo no Congresso Nacional; Deputado José Nelto (PODE/GO), Líder do Podemos na Câmara dos Deputados, e Bancada do Podemos, participando em seguida de encontro com Paulo Guedes, Ministro de Estado da Economia; Tereza Cristina, Ministra de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; Deputado Fausto Pinato (PP/SP), Presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Indústria Brasileira de Bebidas; membros e coordenadores. O presidente ainda recebe braham Weintraub, Ministro de Estado da Educação e o jornalista Heraldo Pereira. O dia chega ao fim com a solenidade de Sanção da Lei de Combate às Fraudes Previdenciárias. O ministro da Economia Paulo Guedes, acompanha o presidente nos compromissos da parte da manhã. De tarde, participa da reunião semanal com o secretário especial de Desestatização e Desinvestimento, Salim Mattar. O ministro também estará com Bolsonaro na reunião com a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Indústria de Bebidas, além de participar da Solenidade de sanção da Lei de Combate à Fraudes Previdenciárias, No final da tarde, tem Reunião semanal com o secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogerio Marinho, fechando o dia com encontro semanal com o secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos Da Costa.

Quer investir em ações? Abra uma conta na XP Investimentos: online, rápido e grátis.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content