Menu
Busca segunda, 27 de setembro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Moeda norte-americana

Dólar estável, mas apostas de alta continuam antes de dados de emprego

O índice do dólar americano, que é medido em relação a uma cesta ponderada das seis principais moedas mundiais, caiu 0,1%, para 92,08

02 agosto 2021 - 18h36Por Investing.com

Por Yasin Ebrahim, do Investing.com - O dólar permaneceu estável nesta segunda-feira, depois de quebrar uma sequência de altas de duas semanas. Porém, os dados continuam a mostrar que os investidores confiam em melhores resultados à frente.

O índice do dólar americano, que é medido em relação a uma cesta ponderada das seis principais moedas mundiais, caiu 0,1%, para 92,08.

Os posições longas líquidas no dólar americano subiram na semana encerrada em 27 de julho para o nível mais alto desde o início de março do ano passado, de acordo com cálculos da Reuters e dados da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities divulgados na sexta-feira.

As apostas de alta do dólar vêm com a posição dos investidores por um Federal Reserve menos complacente.

“Este movimento do dólar é uma indicação de como os mercados mantêm a confiança na alta da moeda, graças a um ambiente de risco menos favorável e dúvidas crescentes sobre a recuperação global (o que levou a uma reversão das negociações inflacionárias) e ao Fed aproximando-se da normalização da política monetária”, disse o ING em nota.

Os dados mensais de empregos, que serão divulgados na sexta-feira, terão importância acrescida e podem desempenhar um papel no pensamento do Fed sobre o acirramento da política monetária.

O Federal Reserve manteve as taxas de juros estáveis na semana passada e prometeu ficar de olho no progresso em direção ao limite para começar a redução das compras mensais de títulos nas próximas reuniões.

“Após a reunião do FOMC da semana passada, os dados econômicos ocuparão o centro do palco esta semana - ou seja, o relatório de empregos de julho de sexta-feira. Como o presidente Powell observou em coletiva de imprensa pós-reunião na semana passada, 'progresso substancial' está 'longe', com o mercado de trabalho ainda tendo 'algum terreno a cobrir'”, disse o Deutsche Bank em nota.

“Embora Powell tenha confirmado que fará um discurso em Jackson Hole, a redução na compra de títulos traçada por ele sugere que o evento estaria se antecipando a um sinal claro do presidente. A reunião de setembro do FOMC é, portanto, o ambiente mais provável para um possível aviso prévio sobre as reduções. Com relação ao anúncio oficial, a mensagem geral da reunião foi consistente com a nossa expectativa para a reunião do FOMC de novembro”.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: